Publicidade 1

Publicidade 1

publicidade 2

publicidade 2

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

O que falta em Búzios é planejamento

Um texto de Bentinho, de 2005, mas muito atual. 

"Em Búzios nunca houve planejamento ... Na minha opinião os prefeitos aqui deixaram muito a desejar, podiam ser melhores. Mais bem preparados ... Funcionários em excesso, serviços de menos, enfim, não é o ideal que todos nós queremos. Falta muita coisa ... Faltou até agora um pulso forte para segurar o meio ambiente ...

Um problema que aqui sempre existiu e é sério, por ser um problema de gerência, é que Búzios nunca teve uma secretaria de Planejamento ... Planejamento é você saber o que a cidade precisa, quais são as prioridades e gastar de acordo com o que se tem para receber ... Isso nunca houve em Búzios. 

O orçamento sempre foi feito no oba-oba, no palpite e ainda se manda para a Câmara um orçamento qualquer. Os secretários de Fazenda que tivemos até hoje foram burocratas ligados a saber a receita e assinar cheques. Não há planejamento para isso. 

O planejamento como um 'staff', deveria estar ligado diretamente ao prefeito para fornecer as prioridades necessárias, para daí o prefeito passar as determinações para as demais secretarias. Isso é imprescindível para a cidade. Uma pessoa que tenha noção do que seja planejamento, conheça o assunto e pense a cidade. Faça pesquisas, reuniões. Ouça grupos. Ouça a comunidade. Isso já está mais ou menos estudado no mundo inteiro: a quantidade de informações que você precisa para montar um plano para a cidade. Sem isso, você fica a esmo, e é o que tem acontecido com Búzios até hoje

(Joaquim Bento Ribeiro Dantas, o "Bentinho", Jornal Primeira Hora, 22/11/2005).