Publicidade 1

Publicidade 1

publicidade 2

publicidade 2

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Sessão do impeachment do prefeito de Búzios é suspensa por falta de segurança

Vereadores presentes na sessão de votação do impeachment do prefeito André Granado

Nesta segunda-feira(21), a Câmara Municipal de Búzios realizou sessão extraordinária para votar o Processo Administrativo 26/2017, que dispõe sobre denúncia de infrações político-administrativas contra o prefeito André Granado.

Público presente na sessão de votação do impeachment do prefeito André Granado 

As denúncias, de autoria do cidadão Luiz Carlos Gomes da Silva, se referem a irregularidades na publicidade de atos de licitações nos Boletins Oficiais no ano de 2013, apontadas pela CPI do BO; à continuidade da prestação de serviços por essas empresas, que teriam sido contratadas de forma fraudulenta; além do descumprimento do Orçamento Público, ao publicá-lo sem as emendas parlamentares aprovadas. Segundo o denunciante, após a assinatura de Termo de Ajustamento de Conduta, o orçamento correto foi republicado em julho de 2014.

Após a leitura do relatório e parecer da Comissão Processante- composta pelos vereadores Josué Pereira (presidente),Gladys Nunes(relatora) e Valmir Nobre (membro)-concluindo que a referida denúncia é procedente para cassar o prefeito; os vereadores usaram a tribuna.  Porém a sessão foi suspensa por falta de segurança. Uma nova data será marcada para votação da matéria
.
Para aprovação do impeachment será necessário quórum de dois terços dos vereadores".



Crédito fotos: Thaís Avellino

Fonte: câmara buzios