Publicidade 1

Publicidade 1

publicidade 2

publicidade 2

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

SOS Parque Estadual da Costa do Sol


Mangue de Pedra sendo destruído pelas queimadas

"Amanhã, sexta, dia 1/9, as 14:00hs, acontece a Assembleia do Conselho Consultivo do PECSOL com a presença do diretor da DIBAP, Paulo Schiavo. Será entregue o estudo do Grupo de Trabalho (GT) do Plano de Manejo, um dos pré-requisitos para finalizar o Plano de Manejo até o final do ano. A tentativa é de facilitar exclusões de áreas do parque. 

Buzios tem apenas 20% da cobertura vegetal original e as áreas que integram o Parque são para proteger o pouco que sobrou. Fundamental Búzios ir em bando porque o que vem sendo discutido é a sobrevivência do Parque da Costa do Sol. Todos os que representam pescadores, quilombolas, cidadãos devem comparecer. 


Vamos organizar as caronas! 


Vamos todos! Precisamos da Mídial Local. Ip Buzios, Lucas Müller, Folha de Búzios, Monica Balcaldi.


Dia 1/9, às 14h na sede da APA Estadual da Massambaba. Rodovia RJ 102. Km 9,5. Praia Seca em Araruama."




terça-feira, 29 de agosto de 2017

Polêmica: proposta de vereador de Búzios provoca indignação de ambientalistas

Tucuns, vista de cima, foto jornal publicoalvo

"Uma indicação que será apresentada na sessão de hoje (29/08) na Câmara Municpal de Armação dos Búzios está causando polêmica e gerando indignação nas redes sociais.

Militantes e defensores das causas ambientais não veem com bons olhos a indicação  do vereador Niltinho solicitando ao prefeito André Granado a construção de um  calçadão na orla da Praia de Tucuns.

De acordo com Anna Bina, ambientalista do Movimento SOS PECSOL Buzios “A área é de preservação ambiental permanente, porque é integrada por dunas frontais, vegetação de restinga e espécies endêmicas de fauna e flora, como a ave ameaçada Formicivora Littoralis, o Lagarto Liolaemus Lutzae, a Aroeira vermelha, a Pimenteira da praia entre outros.

A faixa de areia é protegida pela legislação federal. A costa da Praia de Tucuns faz parte da borda do PECSOL. Além disso, a Professora e Geóloga Katia Mansur/UFRJ adverte ainda que a costa da Praia de Tucuns está sujeita a altas ondas e há possibilidade de inundação da planície caso as dunas sejam  aterradas .”

Ainda de acordo com Anna, “Os estudos do Geomorfólogo do LAGEF da UFF, Guilherme Fernandez, revelaram que a provisão de sedimentos (areia) que chegam à costa da Praia de Tucuns é enorme, porque as dunas existem não apenas na parte continental, mas continuam na parte marinha. Possivelmente os empreendimentos ali realizados  serão soterrados, assim como o calçadão do vereador. Vide o que sucedeu com o Hotel Breezes, atual Blue Tree, que tem sua cerca de eucalipto e a área comum soterradas dia após dia. Além disso, a área registra uma crescente falta de segurança e um calçadão será um prato cheio para assaltantes.”

Hoje, mesmo dia da indicação na Câmara, aconteceu às 8:30h da manhã , a primeira reunião da nova gestão do Conselho de Meio Ambiente de Búzios e a indicação do vereador foi uma das pautas".


Comentários no Facebook:

Paulo Bayer
Paulo Bayer Segundo informações que eu tive, o município têm a intenção de implantar o Programa Bandeira Azul entre Búzios, e após uma visita minha à esta Praia, eu vejo- a como a ideal para pedi O Selo de Qualidade INTERNACIONAL em Praias. O Programa Bandeira Azul estima a preservação dos recursos naturais da região onde é implantado, são 34 critérios focados na sustentabilidade, entre eles a eliminação do microlixo, de programas de educação ambiental, de acessibilidade, preservação total de biomas de restinga, entre outros que ficam a preservação ambiental. O selo é oferecido à Praias 100% livres de poluição e aportes de esgotos, o que a Praia oferece com louvor. A certificação aumento em até 70% de turistas estrangeiros, com uma visão mais ampla sobre a preservação dos bens naturais da praia certificada. Eu super indico a candidatura dessa Praia ao Selo. Estou a disposição para levar qualquer informação que possa ser apresentada em uma possível candidatura da Praia. Sou coordenador da Fase Piloto da Praia do Peró, mas gostaria muito de ver outras praias da região receber tal selo. No Brasil são apenas 5 Praias que detém a CERTIFICAÇÃO, na Europa a Espanha é a campeã de Praias certificadas, e o país europeu pioneiro da Certificação é Portugal, com 30 anos de certificação Bandeira Azul.

Mabel Mow
Mabel Mow Que legal Paulo! O Conselho ambiental teve eleições recentemente. Quem sabe vocês não trocam informações, já que você está há um tempo engajado no selo Bandeira Azul no Peró...

Paulo Bayer
Paulo Bayer Como já disse, estou à disposição para levar qualquer informação e tentar viabilizar a candidatura da Praia ao Selo Bandeira Azul, basta sinalizar um dia para que eu possa ir ao encontro do grupo e passar mais detalhes sobre o projeto. Abraços fraternos, até breve.

Denise Morand Rocha
Denise Morand Rocha Podemos incluir na pauta.

Mabel Mow
Mabel Mow Paulo Bayer adicione a Denise Morand Rocha no face, ela conhece tudo de Búzios, desde o primeiro pescador...rs ela é conselheira, acho que seria muito bom se você viesse a uma uma reunião de conselho pra trazer sua expeiência com o Bandeira Azul, fazerem um intercâmbio...

Denise Morand Rocha
Denise Morand Rocha kkkkkkkkkk estou à disposição!

Paulo Bayer Eu acredito que a certificação trará possibilidades de proteção total da praia e dos ecossistemas ao redor dela. O selo serve também como um instrumento de captação de recursos para promover projetos de educação ambiental e desenvolvimento social e econômico. Promove também a inserção da comunidade local como um agente de mudanças de comportamento, tornando -o um protetor dos bens naturais da Praia, explorando econômicamente de uma forma prevarcionista, criando um ambiente de PERTENCIMENTO aos nativos e visitantes.

Luiz Carlos Gomes
Luiz Carlos Gomes Parabéns Niltinho.


Gaspar Dino Repteis
Gaspar Dino Repteis Calçadão onde?

Mabel Mow
Mabel Mow Pois...rsrs a idéia inicial: calçadão em Tucuns... O.o Saiu da pauta, a idéia será amadurecida para intervenções sem impactos ambientais (?)

Gaspar Dino Repteis
Gaspar Dino Repteis N acho legal n, tem q preservar a faixa de areia natural

Mabel Mow
Mabel Mow Em também acho! Pelo menos o vereador está aberto ao diálogo. Não consigo ver um calçadão que não impacte aquela natureza, mas, a ver...


Hector Sirera
Hector Sirera Prezado Paulo Bayer quem inscriveu algumas praias de Buzios para obrer a Bandeira Azul foi o Secretario de Turismo e talvez nao tenho o conhecimento que Voce tem. Seria otimo ter no Conselho de Turismo um aula sua. Sou conselheito tambem no COMTUR ( amanha temos a nossa reuniao ordinaria quinzenal) e gostaria convida-lo a participar de uma das nossas reunioes.
Paulo Bayer
Paulo Bayer Me informe o local e o horário da reunião, posso tentar incluir na minha agenda e tentar participar junto com todos. Posso levar algumas informações relevantes e que podem somar bastante no trabalho de vocês. Mando meu contato telefônico para abreviar a nossa comunicação. Até breve, um fraterno abraço, muita paz.
Paulo Bayer
Paulo Bayer www.bandeiraazul.org.br, neste link vocês podem encontrar mais informações sobre a certificação e o Programa Bandeira Azul, no Brasil e no exterior. Aguardo contato com o local e horário da reunião do Conselho.
Certificação internacional ambiental para praias e marinas
BANDEIRAAZUL.ORG.BR

Hector Sirera
Hector Sirera Paulo Bayer normalmente as reunioes sao as Quartas Feiras cada duas semanas. Amanha teremos sendo assim Voce me diga se na proxima fica bom para Voce


Sonia Pimenta Palhaçada. Deixem Tucuns como está, livre e natural..Vão arrumar as calçadas quebradas, o esgoto que está poluindo o mar, e, principalmente, arrumar uma rodoviária decente, onde o usuário possa se esconder da chuva e se der vontade,fazer xixi.

Rosa Espinosa
Rosa Espinosa Faço minhas as palavras da Sonia Pimenta !

Anna Roberta Mehdi
Anna Roberta Mehdi Denise Morand RochaMônica CasarinMaria Cristina G Pimentel, quanto mais rezamos, mais assombração aparece? proposta indecorosa

Denise Morand Rocha O Loteamento Nova Geribá, que loteou a orla de Tucuns é ilegal. Lotearam em cima das dunas, que é Área de Preservação Permanente onde não se pode construir. A Prefeitura está demorando muito para anular estes lotes ilegais. O que está faltando?

Roberto Campolina
Roberto Campolina Era muito importante saber o que os moradores do bairro pensam sobre isso.

Anna Roberta Mehdi
Anna Roberta Mehdi APP, Roberto Campolina, não é suficiente?
Blanca Larocca
Blanca Larocca que e este absurdo ??????

Marcos Silva
Marcos Silva Como da consulta sobre o Breezes?

Roberto Campolina
Roberto Campolina Por aí, só que sério, se isso for possível .



Tayrone Floresta
Tayrone Floresta O mais importante é o Vereador visitar as invasões praticadas por MILICIANOS e exploradores do Parque Da Costa do Sol, não consigo entender porque os Vereadores não se dedicam a combater estas invasões em cima de áreas públicas Tucuns sofre invasões diariamente, amanhã vou tentar novamente convidar o Vereador Niltinho De Beloca para caminhar, já o convidamos bem como o Dom de Búzios e Miguel Pereira, porém eles não confirmam ou seja estão nos dando canseira, quem perde é o Meio Ambiente que não tem os Vereadores presentes para verem de perto o que acontece no mundo real.

Marcos Silva
Marcos Silva E tem vereador dizendo da tribuna que ninguém o chamou para "discutir a cidade".

Tayrone Floresta
Tayrone Floresta Mentem alguns pois todos foram chamados a discutir o Parque Estadual da Costa do Sol, inclusive recebendo em abril material impresso, dos 09 apenas uma Vereadora visitou as trilhas e se fez presente a Joice Costa, não votei nela , estive ausente nestas eleições, porém fico chateado de ver como nos enrrolam os demais, vamos aguardar o mês de setembro prazo final dado a Câmara Búzios depois e acionar o MPRJ para termos Audiências Públicas sobre desafetações do Parque Estadual da Costa do Sol e invasões não fiscalizadas e toleradas.


Blanca Larocca
Blanca Larocca porque todos tem rabo preso com patrão ue !

Monica Balcaldi
Monica Balcaldi queridoas.... se preparem!!! daqui a pouco rolam mais algums centosmil e pronto! tudo resolvido!

Monica Balcaldi
Monica Balcaldi calçadão, iluminação, parquinhos, pombais e tudo mais!!! é que são muitos os amigos,ENTENDE????

Monica Balcaldi
Monica Balcaldi TAYRONE...QUERIDO .... VAI COM JOICE, VAI!!!!!

Kitty Ayala
Kitty Ayala Denise Morand Rocha, certamente aguardo que construam nos lotes para depois cair no esquecimento. .. triste isso!

Fabio Gama Lima
Fabio Gama Lima Absurdo!!! Estes doidos estão querendo acabar com Búzios, mesmo?
Ao invés de gastar uma fortuna para destruir o meio ambiente, deveriam investir em saneamento básico.

Anna Roberta Mehdi
Anna Roberta Mehdi vamos colocar concreto em cima das dunas e de má qualidade pra sempre estar refazendo a obra para promover loteamento ilegal e criminoso. APP deve ser protegida

Fabio Gama Lima Fora que a segurança do jeito que está, vai virar o retão do crime!



Anna Roberta Mehdi

Niltinho acabou de retirar a proposta de pauta.

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Faltou povo

Sessão Extraordinária da Câmara de Vereadores de votação do impeachment, dia  24/08/2017 

Sem povo na rua não se derruba prefeito. Durante todo processo de impeachment, alertei os vereadores do G-5 sobre a necessidade de se mobilizar a população buziana a favor da cassação do mandato do prefeito. Frisei que as reuniões da Comissão Processante deveriam ser públicas. E que os moradores de Búzios deveriam ser convocados por todos os meios possíveis, inclusive através de carros de som. Para facilitar a presença dos moradores, as reuniões deveriam ser marcadas para o horário noturno. Quem sabe, algumas delas poderiam ocorrer até mesmo nos finais de semana, com esse objetivo.

Pelo contrário, as reuniões foram marcadas para o horário comercial, em dias úteis. Pensava-se que assim se evitaria o comparecimento dos funcionários públicos municipais, por estarem em horário de trabalho. Acreditava-se que apenas com a convocação pelas redes sociais dos vereadores do G-5, se conseguiria lotar a assistência da Câmara. Ocorreu justamente o contrário. O prefeito encheu a Casa Legislativa com a sua clientela política de funcionários comissionados e contratados. Convocados pelo G-5, compareceram apenas alguns de seus assessores. No dia da derrota do impeachment, os vitoriosos, como se fossem donos da Câmara de Vereadores, comemoraram fazendo um churrasco nas proximidades da Casa legislativa. Com direito a batucada e tudo.

Sei da dificuldade de se mobilizar a população buziana. Já fui presidente de partido em Búzios e, durante meu mandato, tinha como meta principal realizar manifestações massivas de rua. Fracassei rotundamente. Acreditei que os vereadores do G-5, diferentemente de mim, por terem votos, pudessem mobilizar entre 300 e 400 eleitores seus. O que, para mim não seria tarefa das mais difíceis, já que os cinco tiveram aproximadamente três mil votos nas últimas eleições, se somarmos os votos de cada um.

Mas nada. E aí deu no que deu. Dois vereadores não cumpriram com suas palavras. E um, eleito pela oposição, traiu seu eleitorado, sem a menor cerimônia, saindo da Câmara na maior cara limpa. Sem povo, sem olhos nos olhos, fica fácil mudar o voto. Sem a pressão da população, pode-se facilmente desrespeitar a vontade popular.

Quem conhece a realidade sócio-econômica buziana é capaz de entender a dificuldade em se conseguir que o povo buziano ocupe ruas e praças reivindicando seus direitos. E, porque não, se manifestando pela derrubada de um prefeito que, segundo a CPI do BO e o MP-RJ, cometeu muitos malfeitos? Mas como conseguir trazer para as ruas uma população onde quase 50% não tem o ensino fundamental completo e tem renda de até dois salários mínimos mensais? Como mobilizar moradores tão carentes, com grande parcela de subempregados, sem carteira de trabalho assinada, sem boa Educação e Saúde eficiente?

Acrescente-se a essas carências sócio-econômicas, a ideologia do medo imposta aos cidadãos buzianos pelos nossos três prefeitos ao longo desses anos de emancipação. “Para os amigos, todas as facilidades; para os adversários, o rigor da Lei”, sempre foi o lema deles. Dessa perseguição política por parte do Executivo, não escapa nenhum setor social.

Em 27/11/2011, escrevi o post “A cidade do medo” (ver em "ipbuzios"), no qual descrevia o medo que os funcionários da prefeitura, sejam contratados ou comissionados, tinham de perder o emprego. Mesmo funcionários concursados temiam participar de qualquer manifestação com medo de sofrerem retaliações, tais como serem transferidos para locais distantes de suas residências ou para setores que nada tivessem a ver com suas carreiras. Setor de arquivo, almoxarifado, por exemplo. É como se tivessem medo de serem colocados de castigo pelo pai/patrão/prefeito. Sabiam que não podiam ser demitidos, mas temiam, e como, ser castigados.

Alguém pode pensar que somente o trabalhador de Búzios tem medo de exercer a sua cidadania porque pode perder o emprego, por pura dependência econômica. Não há nada mais falso. Grande parte do empresariado da cidade também tem medo. Muito medo. Muitos por estarem ilegais, sem alvará, sonegando impostos, sem assinar carteira de seus empregados, sem pagar horas extras e se apropriando das gorjetas de seus funcionários.
Quanto mais ilegal estiver o empresário, melhor para o prefeito. Quanto mais rabo preso, menor capacidade de protestar. Diante de qualquer ensaio de rebeldia, é só mandar a fiscalização sanitária fazer uma visitinha em sua cozinha. Ou mandar a fiscalização do ISS dar uma olhadinha em seus livros-caixas.  Ou a fiscalização urbanística ver se ele construiu algum puxadinho sem licença. Ou a fiscalização da postura ver se tem alguma mesinha a mais do lado de fora. Isso quando fiscalizações estaduais (ICMS) e federais (trabalhista) não dão uma forcinha extra. 
Da mesma forma que domina grande parcela das famílias buzianas com os empregos públicos- como se esses empregos fossem seus-, com as ilegalidades empresariais consentidas- que não são poucas- nosso prefeito domina o patronato também.
Nessas condições nunca teremos povo nas ruas e praças de Búzios lutando por seus direitos ou contra os desmandos do Prefeito. E sem povo na rua, nunca teremos impeachment em Búzios.
Observação:

Por falar em impeachment, amanhã estarei com o Presidente da Câmara de Búzios Cacalho, para me inteirar da denúncia do advogado de defesa do prefeito de que supostamente teria plagiado trechos de obras sem citação dos autores em minha Denúncia.