segunda-feira, 23 de maio de 2016

Búzios é o sexto município mais rico do Estado do Rio de Janeiro

Saíram os "Estudos Socioeconômicos" do TCE-RJ 2015 com dados referentes a 2014 dos 91 municípios do Estado do Rio de Janeiro (exceto o município do Rio de Janeiro). Os dados dos PIBs municipais são de 2013. Como se sabe a forma mais utilizada para se avaliar a riqueza de um país, estado ou município é calculando-se a renda per capita, obtida dividindo-se toda a riqueza do ente federativo (PIB) pela população. Como em 2013 Armação dos Búzios apresentou um PIB de 3,439 bilhões de reais para uma população estimada de 29.790 habitantes, temos R$ 115.444,11 como renda per capita, a sexta maior do estado do Rio de Janeiro. Entre os 5.570 municípios brasileiros é o 45º mais rico.

Para se ter a real dimensão da riqueza do município registre-se que a renda per capita do Brasil em 2013 foi de R$ 27.229,00 e a do Estado, R$ 38.262,00.  

Na Região dos Lagos nem todos os município são ricos. São considerados ricos, ao lado de Búzios, Cabo Frio (10º) e Arraial do Cabo (22º). E pobres: Araruama (56º), São Pedro da Aldeia (68º) e Iguaba Grande (84º). 

O município mais rico do Estado é Porto Real. O mais pobre Japeri. A renda per capita do primeiro (R$ 255.658,30) é 25 vezes maior do que a do segundo.  
        

1) Porto Real – 255.658,30
2) Quissamã - 223.042,26
3) São João da Barra – 212.966,61
4) Campos dos Goytacazes - 122.063,03
5) Rio das Ostras – 121.799,76
6) Armação dos Búzios – 115.444,11
7) Casimiro de Abreu – 105.694,07
8) Itatiaia – 87.008,64
9) Macaé - 85.462,97
10) Cabo Frio – 84.225,68

11) Paraty – 79.960,25
12) Resende - 72.811,77
13) Mangaratiba - 69.501,95
14) Itaguaí – 60.616,93
15) Carapebus – 59.555,05
16) Maricá – 51.533,19
17) Piraí – 49.276,82
18) Rio de Janeiro - 43.941,25
19) Cantagalo – 43.371,08
20) Niterói – 40.284,31

21) Volta Redonda – 39.740,09
22) Arraial do Cabo - 39.319,65
23) Três Rios – 36.661,92
24) Sapucaia – 34.587,86
25) Angra dos Reis – 33.699,58
26) São Francisco de Itabapoana – 33.369,25
27) Petrópolis – 31.753,67
28) Duque de Caxias - 28.730,21
29) Barra Mansa – 28.004,86
30) Comendador Levy Gasparian – 26.834,96

31) Queimados – 25.961,06
32) Rio Bonito - 23.821,77
33) Miguel Pereira – 23.588,86
34) Teresópolis - 23.446,27
35) Cardoso Moreira – 22.953,59
36) Bom Jardim – 22.623,77
37) Seropédica - 22.607,97
38) Itaboraí – 22.282,21
39) Saquarema - 21.975,53
40) Macuco – 21.270,79

41) Santo Antônio de Pádua – 21.107,13
42) Sumidouro - 20.816,90
43) Areal – 20.635,01
44) Vassouras - 20.579,71
45) Nova Friburgo – 20.185,88
46) Quatis – 19.675,13
47) Itaperuna - 19.425,87
48) Rio das Flores - 19.363,98
49) Valença – 19.183,32
50) Cachoeiras de Macacu – 18.067,05

51) Paraíba do Sul – 18.063,86
52) Italva - 17.941,43
53) São José de Ubá – 17.740,89
54) Barra do Piraí - 17.708,97
55) Itaocara – 17.419,96
56) Araruama - 17.385,31
57) Carmo – 16.966,80
58) Cambuci -16.945,34
59) Duas Barras - 16.850,95
60) Laje do Muriaé – 16.642,02


61) São José do Vale do Rio Preto – 16.499,12
62) Rio Claro – 16.490,74
63) Nova Iguaçu – 16.477,64
64) Bom Jesus do Itabapoana - 16.309,80
65) São Fidélis – 16.038,20
66) Nilópolis - 15.960,35
67) Silva Jardim – 15.828,89
68) São Pedro da Aldeia - 15.588,81
69) São Sebastião do Alto - 15.508,51
70) Trajano de Moraes – 14.830,25

71) Natividade - 14.791,32
72) Paty do Alferes - 14.762,64
73) Porciúncula - 14.560,98
74) Santa Maria Madalena - 14.463,68
75) Tanguá – 14.327,43
76) São João de Meriti – 14.163,02
77) Cordeiro - 14.065,44
78) São Gonçalo – 13.714,57
79) Engenheiro Paulo de Frontin - 13.410,12
80) Miracema – 13.247,98

81) Belford Roxo - 13.247,85
82) Guapimirim - 13.188,22
83) Magé – 13.105,19
84) Iguaba Grande – 12.929,86
85) Varre-e-Sai – 12.882,00
86) Mendes – 12.736,32
87) Aperibé - 12.643,42
88) Paracambi – 12.320,94
89) Conceição de Macabu - 12.014,17
90) Pinheiral – 11.905,55

91) Mesquita – 11.090,48
92) Japeri – 10.162,07

Fonte: IBGE