Publicidade 1

Publicidade 1

publicidade 2

publicidade 2

segunda-feira, 1 de junho de 2015

"Búzios é um presente da natureza, retribuir é o mínimo que podemos fazer"

Lendo a excelente Revista Cidade, de Abril de 2015, encontrei o texto "Breezes: Promessas Soterradas" que me fez procurar a edição do jornal O Peru Molhado em que o hotel estabelecia uma série de compromissos com a população buziana. Estes funcionavam como moedas de troca pelo fato do hotel ter sido construído irregularmente em uma área de preservação permanente (campo de dunas). A estratégia dos especuladores imobiliários de "ganhar" politicamente a população dos bairros diretamente afetados pelo empreendimento parece que foi de fundamental importância para que as obras fossem concluídas. Quase todas os compromissos não foram cumpridos. E segundo a Revista, o novo administrador- BLUE TREE- afirma desconhecê-los. E agora, como é que a gente fica? Sem as dunas e sem as compensações ambientais, culturais e sociais? Quem é que vai pagar por isso? Ou será que as próprias dunas um dia farão Justiça?



Jornal O Peru Molhado, 1/9/2006

Breezes: promessas ambientais

Breezes: promessas culturais 

Breezes: promessas sociais