Publicidade 1

Publicidade 1

publicidade 2

publicidade 2

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

O outro lado da ponte: Professor Rafael Peçanha lança livro sobre história e sociedade de Cabo Frio.

Cartaz do lançamento do livro "O outro lado da Ponte"
O professor Rafael Peçanha de Moura lançará, no próximo dia 24 (sexta-feira), seu primeiro livro: “O outro lado da ponte – Um olhar antropológico. Uma história urbana”. O evento acontece a partir das 19h, na Universidade Estácio de Sá, como parte da programação da VII Semana de História de Cabo Frio.

A obra diz respeito a uma versão de sua dissertação de mestrado pelo Programa de Pós-Graduação em Antropologia da Universidade Federal Fluminense. A produção é da Paco Editorial.

O primeiro capítulo aborda a história da urbanização de Cabo Frio a partir do século XVI (passado); o segundo capítulo refere-se à etnografia de um bairro da cidade (Gamboa), como estudo de caso acerca dos efeitos de tal histórico (presente); e o terceiro  trata do planejamento urbano municipal e as possibilidades e perspectivas (futuro).

- Considero que a história da urbanização de Cabo Frio possa servir de modelo para a reflexão sobre toda a conjuntura do estado do Rio de Janeiro, tanto para evitar que problemas ocorridos se repitam, como para compreender processos sociais e visualizar possibilidades de avanço – afirma o autor.

A apresentação é escrita pelo professor Antonio Edmilson Martins Rodrigues (Professor do Departamento de História da PUC e vencedor do Prêmio Jabuti 2007), com prefácio da professora Cristina Lontra Nacif (Mestra em História Social pela PUC, doutora em Geografia pela UFRJ, professora da Escola de Arquitetura e Urbanismo da UFF). A quarta capa traz a opinião da professora Gláucia Oliveira da Silva (Doutora em Antropologia Social pela USP, com Pós-Doutorados pela Université de La Sorbonne Paris I e École des Hautes Études en Sciences Sociales).


Rafael é historiador, especialista em Sociologia Urbana (UERJ), mestre e doutorando em Antropologia (UFF). É professor concursado das redes municipais de Cabo Frio e Macaé, além de lecionar no curso de história da Universidade Estácio de Sá – Campus Cabo Frio e ser membro do LESCOM – Laboratório de estudos socioantropológicos sobre conhecimento e a natureza, tendo ainda coordenado, de 2012 a junho de 2014, junto a alunos da universidade, o Projeto de Pesquisa Da praia à cidade – história cultural da urbanização de Cabo Frio – séculos XVII – XX, financiado e apoiado pela própria Estácio.