Publicidade 1

Publicidade 1

publicidade 2

publicidade 2

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Quem tem medo da CPI dos BOs?

video


Na sessão do dia 12, quinta-feira passada, o vereador Lorram (ver vídeo) declara-se contrário à instalação da CPI com o argumento de que um possível impeachment do Prefeito poderia causar um caos na Cidade impedindo que ela funcionasse a contento. Não se sabe de onde ele tirou isso. Tivemos diversas CPIs nacionais e estaduais, inclusive um impeachment de Presidente da República, e nenhuma catástrofe ocorreu no país. Pelo contrário, o país continuou funcionando normalmente. Ao se posicionar, o vereador revelou também que participou da turma do amém de Mirinho, quando afirma que na legislatura passada votou sempre contra os pedidos de requerimento da oposição. E que na legislatura atual,  por estar teoricamente na oposição, não vai votar sempre a favor dos requerimentos. Agora, prossegue o vereador, mudou de posição (porque vereador?): vai votar sempre com a sua consciência. E deveria ser de outra forma, vereador? 

Na sessão de ontem (17) foi a vez do vereador Messias posicionar-se em relação à CPI e suas possíveis consequências políticas. Usou uma figura forte- quebrar as pernas do Prefeito- para justificar sua posição contrária ao impeachment. Relembra que adotou a mesma posição em relação aos prefeitos anteriores. "Não quebrou as pernas" de Toninho mesmo tendo conhecimento de que ele teria começado uma obra sem o devido empenho. "Não quebrou as pernas" de Mirinho porque também era da sua turma do amém- aquela que votava contra todos os requerimentos e que se ausentava do plenário para não julgar de novo as contas de 2004. Enrolou-se todo quando falou das derrubada do veto da Lei do Uso do Solo (LUOS) conhecida como "Lei dos Pombais". Chega a dizer que derrubou o veto de Mirinho mas que este na verdade não queria vetar as alterações feitas pela Câmara que acabava com os "Pombais" em Búzios. Não diz, mas deixa claro, que ele fora obrigado a vetar. Com a afirmação, o vereador revela que o ex-prefeito loteara sua administração para a pequena especulação imobiliária da península. 

O vereador Messias insinua que haveria "interesses inconfessáveis" por trás da iniciativa da CPI. É possível que existam. Mas o que importa mesmo, vereador,  é comprovar se houve ou não desvio de recursos públicos por parte do governo atual. Nós poderíamos dizer também que haveria interesses deste tipo entre os vereadores que se posicionam contrariamente à CPI.   O experiente ex-vereador Valmir da Rasa dá pista das quais poderiam ser esses interesses ao fazer a avaliação da CPI no Facebook, avaliação que transcrevo aqui por ser pública. A eles, pode ser acrescentado interesse por aluguéis de parentes e amigos? Não?  

Valmir Conceição Oliveira
"carlos meu amigo mais uma pizza enquanto não se desvincular do prefeito eu não acredito ,estão com cargos , outros com empresas , outros com firmas , um ou dois no máximo que estão de fora !!!"  ("valmir.conceicaooliveira")

Uma CPI é criada para investigar determinada questão por determinado período quando existem fortes indícios de irregularidades. Se elas existem, possivelmente recursos públicos teriam sido perdidos nos descaminhos por onde eles circularam. Se isso é verdade, vereador Messias, muitas pernas de buzianos foram e continuarão a ser quebradas nas imensas filas das unidades de saúde do município. E o senhor quer preservar as pernas do Prefeito! Se isso é verdade, vereador, muitas pernas de nossas crianças estão sendo quebradas pelo baixo nível de ensino que recebem. E o senhor quer preservar as pernas do Prefeito! Se isso é verdade, vereador, muitas pernas do nosso maior contingente de trabalhadores- do comércio e setor de serviços- serão quebradas por falta de um Hotel Escola para qualificá-los. E o senhor quer preservar as pernas do Prefeito! A troco de quê, vereador?

Observação: desculpem-me pela qualidade do vídeo. Ele foi gravado diretamente do site da Câmara de Vereadores, cuja qualidade de transmissão deixa muito a desejar. Já reclamei algumas vezes da qualidade do som e imagem, mas não fui ouvido.

Atenção: colaborem com o blog clicando nas propagandas, tanto as localizadas entre as postagens como na barra lateral direita. E sempre que entrar no blog não custa nada dar uma clicada. Grato.

Comentários no Facebook:



  • Luiz Carlos Andrade estão tratando a coisa publica sem a seriedade que merece, se tiver que ter CPI, que faça. a nossa omissão com a cidade nos custara caro. teremos a búzios de nossos atos no futuro, aguardem