Publicidade 1

Publicidade 1

publicidade 2

publicidade 2

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

BATISMOS INFELIZES

Carlos Terra, Facebook


Búzios é realmente surpreendente. O noticiário da mídia e a própria rádio-peão, semeiam sem cessar novidades horripilantes, que não guardam nenhuma semelhança com os fatos recentes e a história dos envolvidos.

Encontrei nas páginas do Jornal Primeira Hora, uma coluna intitulada “O Periscópio”, no rodapé da qual consta como responsável Ruy Borba Filho e como coadjuvantes Vicente Martins, Thiago Ferreira e Ana Tardelli,  o que faz parecer a coluna mais um jornal, cuja redação necessita de colaboradores. O mesmo rodapé registra ser a coluna “matéria paga”, cuja existência não será suficiente para convencer o povo de Búzios de sua efetividade, embora estampada em destaque de negro.

Vamos comentar o nome e o personagem que subscreve a coluna.  Inicialmente, temos que periscópio é um equipamento constituído por um jogo de espelhos de tal forma que seu operador escape do plano de visão dos vigiados. É utilizado principalmente em submarinos, que se movendo na escuridão das profundezas, por intermédio dele, são capazes de enquadrar aqueles que pretendem abater sem que as vítimas os perceba. É assim o periscópio, um espião sorrateiro, um ardil que pretende fazer da surpresa sua principal arma. No passado, durante o governo de Toninho Branco, este mesmo comandante de submarino disparou pela mesma mídia, milhares de torpedos contra seu inimigo, sugerindo que seria capaz de manobrar muito melhor o couraçado que tinha como alvo do que aquele que então o comandava. Guindado pelas urnas e pela mão do ex-prefeito Mirinho, assumiu o leme do couraçado e foi tão infeliz no seu comando que os torpedos que o atingiram, não só o destronam como o levaram à cadeia. Não foi preciso um periscópio para visualizar suas fragilidades, pois a sua paranóia por holofotes e destaques, fez dele um ridiculo e pretensioso “Asmodeus” . Essa comparação não é original, foi ventilada no passado, por pena mais brilhante, mas vejam quanta semelhança guardam Ruy Borba e Asmodeus: Asmodeus, um anjo caído que ao cair se tornou um dos cinco príncipes do inferno, abaixo apenas de Lúcifer- O Imperador. Dentre os príncipes, ele é o especialista enviado pelo inferno para aumentar a violência e a desordem, para encolerizar pessoas, separar casais, liberar obras irregulares, manipular o amor, enfim, Asmodeus é o demônio da luxúria e da lascívia. É este mesmo personagem que reaparece dos quintos do inferno para onde foi devolvido por uma sentença judicial, para atuar em suas especialidades com o único objetivo de desestabilizar aqueles que o venceram. Em sua primeira aparição, já escolhe vítimas, encontra-as, despacha seus torpedos repletos de ira e insanidade.

Tenho comigo que, o povo de Búzios, reconhecedor das bravatas e idiotices desse senhor, vai passar batido pela sua coluna. Acho melhor Ruy, economizar seu dinheiro, porque perdeu a crediblidade, ninguém mais dá crédito à fala de um ex-presidiário.

O outro batismo infeliz é o do blog de Alan Câmara, um dos lacaios de Mirinho, agora no ostracismo. Escolheu o nome de “Buzina de Búzios” para batizar seu blog na Internet, sugerindo que o barulho dele disparado, assuste e afaste as pessoas e os fatos na sua trajetória, como o faz o equipamento dono do nome original.

Presente no teatro de operações da última eleição, pude perceber a destruição total de todos os aparatos do governo Mirinho Braga que foi literalmente atropelado pelo carroussel de insatisfaçãoes do povo buziano. É inacreditável que daquele montão de entulho e  dos destroços, ainda exista uma buzina que possa emitir sons capazes de impressionar seus ouvintes.

A derrota de Mirinho e seu séquito, se deu de maneira global e irrestrita, eis que foi vencido aqui, em Cabo Frio, na eleição pela presidência da Câmara e no Judiciário, sua derrota foi tão fragorosa que não restou sequer um refúgio para juntar seus destroços, foi perda total. Poderia falar muito mais sobre as desventuras que os  personagens acima causaram na nossa comunidade, mas ficarei por aqui, pedindo ao meu leitor que dê asas à sua memória e some aos fatos por mim relatados, outros do seu conhecimento, para nunca mais dar ouvidos ou atenção ao gemido revoltado dos derrotados. Eles merecem somente a nossa clemência e jamais serão perdoados.

Carlos Terra
Pecuarista

Comentários no Facebook:


  • Monica Werkhauser élamentavel que o Ruy Broba ainda se acha, a coluna dele não vai ter credito nenhum, os buzianos aprenderam, thiago ferreira sempre foi fake do Ruy, é êle mesmo, pena é usar o nome da ana tardelli .E pagar a coluna , faz me rir

  • Jose Figueiredo Sena Sena Luiz, Carlos Terra tá que tá danado, lá nas bandas das Minas Gerais lá pra dentro mesmo , tem um provérbio muito antigo mais com uma pequetita inteligência dá pra entende-lo " dereitinho " então vamos ao dito cujo " MACACO VELHO NÃO PÕE A MÃO EM CUMBUCA ", e o mais engraçado é que todo macaco velho que sobe em galho podre nunca cai de " PÉ ", sempre cai de cabeça. ( deu entender ou Luiz )