Logo do blog

Logo do blog

publicidade5

publicidade5

sábado, 30 de junho de 2012

As religiões de Buzios

1)Evangélicos - 10.902 (39,5 %).
 Assembléia de Deus - 3.558 (12,9)
 Metodistas - 2.963 (10,7) 
Batistas - 1.129 (4,0)

2)Católicos - 8.525 (30,9)

3) Sem religião - 6.329 (22,9) 
Ateus - 229 (0,8)

4) Espiritas - 586 (2,1)

5) Budistas - 135 (0,4)

6) Umbandistas - 18

7) "Candombleístas" - 15

8) Islâmicos - 12

Fonte: IBGE

Comentário: nada como a ciência (estatística) para desmentir afirmações repetidas anos a fio, tais como a de que a religião evangélica teria quase 70% de seguidores em Búzios. O Censo mostra que não passam de 40%, estando ainda muito próximo dos católicos, que detém 30%.

Comentário no Facebook: 



quinta-feira, 28 de junho de 2012

Mapa 2012 da Violência na Região dos Lagos

O trecho citado abaixo consta do estudo "Mapa da Violência - 2012: Os novos padrões da Violência Homicida no Brasil", feito pelo Instituto Sangari, por encomenda do Ministério da Justiça. 

"Fica difícil compreender como em um país sem conflitos religiosos ou étnicos, de cor ou de raça, sem disputas territoriais ou de fronteiras, sem guerra civil ou enfrentamentos políticos violentos, consegue-se exterminar mais cidadãos do que na maior parte dos conflitos armados existentes no mundo. 

No histórico dos 30 anos analisados neste documento, o Sistema de Informações de Mortalidade do Ministério da Saúde registrou 1,1 milhões de vítimas de homicídio. Para ter uma idéia do que esse número representa, podemos indicar que só um pequeno número de cidades brasileiras, 13, para sermos exatos, alcançou esse número de habitantes no Censo de 2010. Por essas mesmas estatísticas de mortalidade, ocorreram no ano de 2010, 50 mil assassinatos no país, com um ritmo de 137 homicídios diários, número bem inferior ao de um massacre do Carandiru * por dia". 

* Observação: morreram 111 detentos em 2/10/1992 numa rebelião na Casa de Detenção de São Paulo, localizada no Carandiru.   

Nossa querida Região dos Lagos, apesar da aparência de tranquilidade, é uma das mais violentas do estado do Rio de Janeiro. 

1º) Armação dos Búzios - Número de homicídios: 26 (2008); 21 (2009); 12 (2010). Taxa média: 71,2.
Búzios ainda é o município mais violento do estado. Enquanto a taxa estadual é de 26,2 (homicídios por 100.000 habitantes) a de Búzios é quase três vezes maior. Observem que em 2008 eram assassinados 2 buzianos por mês. Os dados de 2010 ainda são preliminares, mas indicam uma significativa redução. Mesmo assim, confirmando-se que tenha ocorrido 1 homicídio por mês na cidade em 2010, a taxa de 43,54 ainda superaria em muito a estadual.

2º) Cabo FrioNúmero de homicídios: 129 (2008); 142 (2009); 87 (2010). Taxa média: 65,1 (3ª do estado).

3º) Rio das OstrasNúmero de homicídios: 37 (2008); 45 (2009); 34 (2010). Taxa média: 39,3 (11ª do estado).    

4º) São Pedro da AldeiaNúmero de homicídios: 39 (2008); 31 (2009); 25 (2010). Taxa média: 37,1 (14ª do estado).

5º) AraruamaNúmero de homicídios: 40 (2008); 44 (2009); 35 (2010). Taxa média: 36,2 (16ª do estado).

6º) Arraial do CaboNúmero de homicídios: 4 (2008); 19 (2009); 6 (2010). Taxa média: 35,6 (17ª do estado).

7º) Iguaba Grande Número de homicídios: 7 (2008); 6 (2009); 11 (2010). Taxa média: 35,5 (18ª do estado).    


segunda-feira, 25 de junho de 2012

Nos poupe, Prefeito!

Nos poupe, Prefeito,
de disputar um novo mandato.
A cidade não aguenta mais um desgoverno como o seu. O loteamento da prefeitura- feito por Toninho, em 2004, e por você, em 2008- acabou com a cidade. O resultado está aí, visível aos olhos de todos. Só não vê quem não quer.

Nos poupe, Prefeito.
A cidade e seus moradores não aguentam mais ver sua turma exibindo sinais exteriores de riqueza.
Você mesmo, que só tinha uma casa em 1996, parece que se deu muito bem no governo. Basta ver a relação atual de seus bens e de seus familiares. 

Nos poupe, Prefeito.
Os moradores de Búzios não aguentam mais viver em uma cidade que não parece uma cidade de verdade.
Uma cidade que não tem água em todas as casas, todo o esgoto tratado, calçadas padronizadas, ciclovias, transporte público em todos os bairros, equipamentos públicos culturais (teatro), educacionais (escolas com quadras esportivas  piscinas olímpicas; e creches) e esportivos (estádio poliesportivo e de futebol). 

Nos poupe, Prefeito.
A cidade e seus moradores não aguentam mais ver secretários incompetentes na prefeitura. Como dizia Maquiavel para estimar a inteligência de um governante basta olhar para os homens que têm à sua volta. 
Convenhamos prefeito, a própria cidade tem moradores muito mais competentes e capazes do que Carlinhos, Ruy, Wilmar, Isac, Carolina, Guilherme, etc.

Nos poupe, Prefeito.
A cidade e seus moradores não aguentam mais ver tanto desperdício de dinheiro público.
Desperdiçamos um milhão e meio de reais por mês com limpeza pública e a cidade continua suja.
Desperdiçamos oito milhões de reais por ano para manutenção das ruas e elas continuam esburacadas.
Desperdiçamos quase metade dos noventa milhões de reais gastos com folha de pagamento por ano para sustentar seus familiares, amigos, apaniguados e  cabos eleitorais empregados na prefeitura. Muitos deles fantasmas. 

Nos poupe, prefeito. 
A cidade e seus artistas e ativistas culturais não aguentam mais viver em uma cidade sem cultura. 
Só precisam de um Teatro, uma Concha Acústica, que se acabe a obra do Mercado do Artesão e um calendário de Eventos Culturais para o ano todo. O resto pode deixar com eles.  

Nos poupe, Prefeito.
A cidade e seus trabalhadores não aguentam mais a falta de políticas públicas de trabalho e renda.
Só reivindicam uma Escola de Hotelaria, um Entreposto Pesqueiro, um Mercado do Produtor Rural, um Mercado do Artesão e um Mini-Distrito Industrial que atraia empresas não poluentes para a cidade. 

Nos poupe, Prefeito. 
A cidade e seus habitantes não aguentam mais a sua insensibilidade social.
Não é possível que a quinta cidade mais rica do estado seja campeã estadual em  número de cortiços e cabeças de porco, e em violência (homicídos), campeã na Região dos Lagos em número de crianças responsáveis por lares, vice-campeã em número de casas sem rede de esgoto, terceira colocada em quantidade de casas sem água encanada, quarta colocada em número de analfabetos.

A quinta cidade mais rica do estado (com um orçamento de quase 200 milhões de reais anuais, um PIB de 1,4 bilhões de reais e renda per capita de R$ 52.000,00- dados de 2008) não pode ter quase 10% de miseráveis (buzianos vivendo com menos de 140 reais por mês); quase a metade (46,9%) da população pobre (vivendo com menos de 1 salário mínimo por mês); e mais da metade da população sem o ensino fundamental completo. 

Nos poupe, Prefeito.
Não carece disso não!



Comentários:

  1. Oi, Luiz, não consegui entender esta parte..
    (com um orçamento de quase 200 milhões de reais anuais, um PIB de 1,4 bilhões de reais e renda per capita de R$ 52.000,00- dados de 2008)
    Vc explica melhor?
    Obrigada


  2. Tirando o ranço político da postagem, concordo em gênero, número e grau com você amigo

    Meu comentário:

    Obrigado Miguel pela concordância e pela visita. Quanto ao ranço, o que fazer?

    Flor: a receita anual de Búzios é de 200 milhões de reais e o PIB - soma de todas as riquezas da cidade- é de 1,4 bilhões, o que dá uma renda per capita de 52 mil reais por ano.

sábado, 23 de junho de 2012

Eles acham que vocês são otários!

Os eleitores de Búzios devem ficar bem atentos às últimas manobras políticas feitas nos dias que antecedem à realização das convenções partidárias. Grande parte dessa movimentação dos partidos locais não se deve a causas internas ao processo político local, mas a motivações externas que nada tem a ver com os interesses do povo do município. Em busca de apoio político e, principalmente, financeiro, falsas lideranças locais se submetem aos ditames de caciques políticos estaduais, com mandato ou não, mas detentores de grandes parcelas de poder dentro da grande máquina partidária que é o PMDB. Repetem em nossa nossa cidade as práticas políticas condenáveis feitas por eles no Estado. 

Como já é de conhecimento de todos três grandes lideranças estaduais do PMDB estão muito ativas politicamente em Búzios há muito tempo. O governador Sérgio Cabral estabeleceu uma parceria tão estreita com o prefeito Mirinho Braga que chegou ao ponto de lhe entregar facility-mente o diretório municipal do PMDB. Paulo Melo retirou Chiquinho daqui para encarar Miguel Jeovani em Araruama porque seu candidato- o prefeito André Mônica- vai perder feio porque está fazendo um desgoverno tão desastroso quanto Mirinho. Com Chiquinho apoiando seu irmão em Araruama, Paulo Melo fica com mais uma opção, caso não consiga levantar a defunta candidatura de Mônica. Além do mais, matematicamente é muito melhor. Araruama tem 4 vezes mais eleitores do que Búzios. Votos que serão muito necessários para possíveis voos mais altos do deputado. Picciani é outro que, apesar de não ter mandato, manda com os mandatos dos filhos e com o poder que tem no PMDB. Tem grandes interesses na cidUade. E é unha e carne com Mirinho. 

Apesar da luta de cada um para se fortalecer dentro do PMBD e no Estado,  os três estão unidos quanto a não perder de jeito nenhum o poder em Búzios. Búzios tem poucos votos, mas dá muita visibilidade. Além do mais, as terras estão valiosíssimas. Portanto, pra manter o poder em Búzios, vale tudo. Até mesmo jogar com três candidaturas: a de Mirinho (PDT, PMDB), a de Dr. André (PSC) e a de João Carrilho (PSB). Todos partidos da base de sustentação do governo Sérgio Cabral. Por isso eleitor não estranhem que uma ou até mesmo duas destas candidaturas sejam sacrificadas durante a campanha eleitoral. Quem estiver mal nas pesquisas vai ter que apoiar o outro. As duas únicas candidaturas que não interessam a eles são a de Evandro (PR) e a de Beth Prata (PSOL). Só estas duas candidaturas podem acabar com o poder do governador da Delta-Cavendish-Cachoeira em nossa cidade.             

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Locação de imóveis: final

Quase todos os imóveis alugados pelo Governo-Amigo dos Amigos estão com preços superfaturados e pertencem a pessoas ligadas, por laços políticos ou de parentesco, ao prefeito Mirinho dos Pombais. Dessa relação de 33 imóveis que publiquei aqui no blog podem se considerar como "aluguéis neutros" os aluguéis dos imóveis dos "gringos" Gotz Walter Leider (Vigilância Sanitária) e Luc Josef Michel Vaninbroukx (Conselho Tutelar, Biblioteca Pública), exceto o aluguel das lojas 13 e 14 do Shopping Portal da Ferradura alugadas para a Secretaria de Comunicação e Cultura, mas ocupadas pela Ampla, e os aluguéis dos imóveis pertencentes às empresas Diogo Comércio e Indústria LTDA (Superintendência de Controle de Veículos Públicos),  Macom Representações LTDA ( Secretaria de Planejamento) e  Novo Horizonte Jacarepaguá Importação e Exportação LTDA (Posto Avançado do Corpo de Bombeiros). Com a inauguração da sede do Corpo de Bombeiros pode-se argumentar que o Posto Avançado não seria mais necessário, ficando o prefeito, portanto, obrigado a  desonerar a prefeitura de mais um aluguel.

Entre os imóveis alugados de pessoas com laços de parentesco com membros do governo temos a Secretaria de Esporte e Lazer, Arquivo Geral, Escola Professor Juvenal, CEPEDE de Cem Braças e a  nova Unidade de Saúde no Centro, todos alugados de parentes do vereador e líder do governo Messias Carvalho; CEPEDE de Manguinhos, alugado de cunhado da Primeira Dama; Secretaria de Serviços Públicos, alugado de pai do secretário de finanças; e CAAPE, alugado de prima do secretário de esporte. 

Temos também os imóveis alugados de "cabos eleitorais" do prefeito. São eles: o Núcleo da Escola de Futebol da Rasa", em nome da esposa do candidato a vereador derrotado em 2008, João da Máquina; Creche na Rasa, candidato a vereador derrotado em 2008, José Maria; Posto dos Correios na Rasa, alugado de Luiz Solon, cabo eleitoral do vereador Leandro, da base do governo; Sítio para Guarda de Animais; PSF do Capão; PSF de Cem Braças; e PSF de José Gonçalves.    

Finalizando, entre os imóveis alugados de funcionários ou ex-funcionários do governo temos a Colônia de Pescadores, cujo presidente, Chita, também é coordenador de pesca da secretaria de meio ambiente; Secretaria de Educação, alugada de herdeiros do ex-secretário de finanças do primeiro governo Mirinho, Roberto Saraiva;  Guarda de Bens Patrimoniais, alugada do vigia Ferreira; Secretaria de Ordem Pública, alugada do ex-secretário de meio ambiente, Mauro Temer; Fundação Bem Te Vi, do ex-gestor e atual secretário de planejamento, Ruy Borba.      

Locação de imóveis 33: por onde anda a Secretaria Adjunta de Comunicação e Cultura?




Segundo o site "Contas Públicas" do governo municipal (ver link abaixo) e B.O 486, de 2/5/2011, as Lojas 13 e 14 do Shopping Portal da Ferradura, situadas na Avenida José Bento Ribeiro Dantas 815, Centro, estão alugadas para a "instalação da sede da Secretaria Adjunta de Comunicação e Cultura e instalação da Biblioteca Municipal". Chegando no endereço encontrei lojas da Ampla. Intrigado, liguei na quarta-feira (20/06) para a prefeitura, números 2633-6000 (Laura) e 2623-9224 (Marta). Como a  Marta não estava  deixei recado para que ela me ligasse assim que chegasse do evento da Escola de Música no Gran Cine Bardot. Até hoje sexta-feira (dia 22) nenhum retorno. A Prefeitura está pagando aluguel pra Ampla pois não encontrei nenhuma rescisão nos BOs posteriores ao 486? Que Biblioteca Municipal é essa, nas lojas 13 ou 14, se já pagamos R$ 2.420,00 para a Biblioteca que ocupa as lojas 6 e 7 do mesmo shopping? Reparem que são R$ 8.000,00 por duas salas. Quatro mil reais por cada uma. Como isso é possível se as lojas são semelhantes e pagamos R$ 1.200,00 por cada uma (lojas 6 e 7) das lojas da biblioteca?       

Data do pagamento: 18/04/2012

Empenho: 517/2012

Credor: LUC JOSEF MICHEL VANINBROUKX

Processo: 4224/2011

Valor: 16.000,00

Histórico: PAGTO LOCACAO 02/01/12 A 01/03/12 IMOVEL NAO RESIDENCIAL LJS 13 E 14 SITO RUA BENTO R DANTAS,815 PARA INSTALAÇÃO DA SECRETARIA ADJUNTA DE COMUNICACAO E BIBLIOTECA MUNICIPAL. CONTRATO 31/2011(VENCE 02/02/13) E RECIBOS FLS.09 E 10(ATESTOS: DIONEY,MARTA E ANA CRISTINA ) 4182/12


quinta-feira, 21 de junho de 2012

Isso é um mandato ou uma imobiliária, vereador?



B.O. 533; Contrato: 15/2012 ; Data: 27/04/2012; Processo: 12076/2011
Objeto: para instalação de Unidade de Saúde. (Qual?)
Endereço: Centro (Endereço?)
Proprietário: Nelir Carvalho da Silva
Valor do aluguel: R$ 5.500,00.

O vereador do PDT e líder do governo na Câmara de Vereadores, Messias Carvalho da Silva, emplaca mais um aluguel. Reparem no nome da proprietária. Deve ser uma parente bem próxima. O vereador é detentor de um mandato ou de uma imobiliária? Quase com certeza podemos afirmar que esses imóveis não estariam alugados se Messias não fosse vereador e líder do governo. "Ou não?", como diz Caetano Veloso. "No mais, tudo bem?", Alexandre Martins.

Outros aluguéis de parentes do vereador:

2) Primo - Francisco Carlos da Silva Moreira
Aluguel : Secretaria de Esporte e Lazer - R$ 1.781,15.

3) Primo - João Carlos Alves de Souza
Aluguel :Arquivo Geral da Prefeitura - R$ 2.123,89.

4) Primo - Marcos Carvalho dos Santos
Aluguel : Escola Municipal Professor Juvenal de Oliveira - R$ 3.900,00

5) Sócio do primo - Pedro Paulo Cabral Costa
Aluguel :  Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Educação - CEPEDE - Cem Braças - R$ 5.300,00.

terça-feira, 19 de junho de 2012

Sabe com quem você está falando?




Comentários:

  1. Esse cara é muito bom! Sempre que vejo ele falando a-do-ro! Muitas pessoas que "se acham" deviam ver.

    Meu comentário

    Isso Denise. Aqui em Búzios existem muitos que "se acham". E quando "se acham" se acham os próprios Deuses.


segunda-feira, 18 de junho de 2012

Governo amigo dos amigos


Site "rent a friend"
Relação dos imóveis alugados pela prefeitura de Búzios e seus respectivos valores:

1) Secretaria de Ordem Pública - R$ 6.000,00
2) Núcleo da Escolinha de Futebol da Rasa - R$ 2.900,00
3) CAPS - R$ 1.200,00
4) DETRAN - R$ 8.000,00
5) Centro de Atendimento aos Turistas - R$ 5.000,00
6) Secretaria de Educação e Ciências - R$ 7.500,00
7) Superintendência de Controle de Veículos Públicos - R$ 5.000,00
8) Secretaria de Esporte e Lazer - R$ 1.749,08
9) CEMEI (Fundação Bem Te Vi) - R$ 25.000,00
10) Guarda de animais apreendidos - R$ 2.500,00
11) Creche Profª Diva - R$ 2.500,00
12) CRAS - R$ 1.500,00
13) CRIARTE Baía Formosa - R$ 4.178,88
14) Conselho Tutelar - R$ 1.455,61
15) Biblioteca Pública Municipal - R$ 2.420,00
16) Posto dos Correios da Rasa - R$ 1.410,56
17) Secretaria de Planejamento - R$ 8.281,58
18) Secretaria de serviços Públicos - R$ 2.500,00
19) Escola Profº Juvenal - R$ 3.900,65
20) CEPEDE Cem Braças - R$ 5.300,00
21) PSF do Cruzeiro - R$ 1.874,09
22) PSF do Capão - R$ 1.152,28
23) Secretaria de Ordem Pública - R$ 8.000,00
24) PSF de Cem Braças - R$ 1.354,46
25) CRIARTE de José Gonçalves - R$ 2.000,00
26) PSF de José Gonçalves - R$ 816,30
27) PSF de Baía Formosa - R$ 806,60
28) Vigilância Sanitária - R$ 2.654,29
29) Posto Avançado do Corpo de Bombeiros - R$ 3.200,00
30) Arquivo Geral - R$ 2.123,89
31) CAAPE - R$ 1.213,40
32) Escola de música Villa Lobos - R$ 2.560,25

Os aluguéis:


Estou concluindo as postagens referentes à locação de imóveis por parte da prefeitura de Búzios. Faltam apenas localizar os imóveis do CEPEDE de Manguinhos, da Guarda de Bens Patrimoniais, da Unidade de Saúde alugada recentemente de Nelir Ccarvalho da Silva e as lojas 13 e 14 do Shopping Portal da Ferradura onde deveria estar localizada a Secretaria de Cultura. Diga-se de passagem que esta secretaria paga um aluguel de R$ 8.000,00 pelas salas. 

Pelos meus cálculos estamos gastando mais de 135 mil  reais por mês com aluguéis (mais de R$ 1.600.000,00 por ano). Valor que, por si só, já é um absurdo! Muitos dos valores unitários pagos não resistem a uma pequena pesquisa de mercado. Quase com certeza a maioria desses aluguéis estão com preços superfaturados. É por isso que muitos não têm reajuste algum há mais de 3, 4 anos, apesar de normalmente ser previsto em contrato alguma correção. 

Alguns pagamentos de aluguéis não são mais encontrados no site contas públicas da prefeitura, mas não se encontram as respectivas rescisões no Boletim Oficial. É o caso do aluguel da Escola da Árvore, alugada para a Secretaria de Ordem Pública. O mesmo acontece com o aluguel da Colônia dos Pescadores. O presidente da Colônia, Chita, me falou que o contrato com a Petrobrás para a criação do Centro de Visitação do Parque dos Corais obrigava a rescisão do contrato do aluguel do Centro de Atendimento ao Turista com a Prefeitura. Nenhum registro foi encontrado por mim nos BOs. E para minha surpresa verifiquei nas contas públicas novo aluguel da Colônia para um tal de "Memorial do Pescador". Será que a prefeitura está alugando as paredes onde estão os quadros com as imagens dos pescadores antigos? Com a palavra, Chita. O blog está à disposição para seus esclarecimentos.   

Os amigos:

Nenhuma pessoa de bom senso pagaria essa fortuna que estamos pagando de aluguel por mês. É claro que o prefeito Mirinho só paga o que paga porque o dinheiro não é dele. Pior do que o desperdício de dinheiro é a utilização dos cofres públicos para beneficiar amigos. A senhora Elizabeth de Azevedo, que aluga campo para a Escolinha de Futebol da Rasa, é esposa do senhor João da Máquina, candidato derrotado a vereador pela coligação de Mirinho em 2008. Outro candidato derrotado em 2008 é José Maria, que também aluga o imóvel onde funciona a creche professora Diva. A  A Colônia de Pescadores que tem seu espaço alugado pela prefeitura é presidida por Chita- Coordenador de Pesca da Secretaria de Meio Ambiente. A Secretaria de Educação está alugada para os herdeiros do senhor Saraiva, ex-secretário de finanças de Mirinho. O Cemei funciona na Fundação Bem Te Vi, criada pelo seu atual secretário de Planejamento, Ruy Borba. A Secretaria de Serviços Públicos está instalada em prédio alugado do senhor Manoelzinho da Marisol, pai do secretário de finanças, Carlinhos Gonçalves. A escola Professor Juvenal aluga imóvel de propriedade de Marcos Carvalho, primo do líder do governo Mirinho na Câmara- vereador Messias Carvalho. O prédio onde funciona o CEPEDE pertence ao sócio de Marcos Carvalho. Esta relação deve ser muito maior. Só citei os que eu conheço. Se isso não é improbidade administrativa, então o que é?


Comentários:



  1. Nobre Luiz, o Proprietario do imovel alugado pela PMAB, para Guardas de Bens Patrimoniais, salvo engano, pertence ao Servidor Publico lotado na Ordem Publica, Vigia Ferreira, nome : Marcio Luis de Souza Ferreira, este cidadão trabalha acessorando o GM Perez que tem portaria de Coordenador de Transito no municipio. O Vigia Ferreira, trabalha de segunda a sexta feira das 8 as 17 hs, como alguns outros na prefeitura, e recebe horas extras ilegais em substituição a uma função gratificada de boca.Este Vigia Ferreira vem inclusive abusando de poder, que não tem, dando duras em Vans, em operação feita pela Ordem Publica, apesar de ser só de fachada, pois os mesmos volta e meia estão em churrascada com a turma das Vans, na cidade. Tambem depois que o Perez foi pra argentina com familia bancada pela Stylos, oque esperar deles? Lembrando que a filha de Perez é guarda municipal contratada, que tambem é suspeita de receber polpudas horas extras, desde 2010 até os atuais, e mesmo em dezembro passado recebeu o mês completo que eu vi, incluso horas extras, mesmo que tenha faltado todo o mês para implantar silicone, tudo registrado em ocorrencia no MP.
    Tanto o recebimento de extras bem como o aluguel imoral, vem sendo investigado pelo MP-RJ, na tutela coletiva de Cabo Frio, tem diversas ouvidorias em andamento. Parece que recentemente receberam visita do GAP, que foram fazer diligencias recolhendo informações sobre diversos assuntos, inclusive excesso de contratados que por vezes recebem horas extras bem polpudas. Verifique as ouvidorias : 165322. Tem varias outras de assuntos conexos, basta dirigir-se a tutela de CF e averiguar, é anonima a denuncia, mas pode se ter acesso, levando o numero da ouvidoria.
    30/11/2011 sigilo Ouvidoria 02/12/2011 Ingresso

    12/12/2011 Promotoria Com Atribuição Natural Ouvidoria Providência em Andamento
    À OUVIDORIA DO MINISTÉRIO PÚBLICO, A NOTÍCIA REFERENTE AO E-MAIL Nº 16322 RECEBIDA POR ESTA PROMOTORIA DE JUSTIÇA, ONDE ESTÁ SENDO ANALISADA, PODENDO O SEU ANDAMENTO SER ACOMPANHADO DIRETAMENTE NO ENDEREÇO RUA JORGE LÓSSIO, 212, CENTRO, CABO FRIO OU ATRAVÉS DOS TELS. 22 26438189. DENISE DA SILVA VIDAL PROMOTORA DE JUSTIÇA
  

Locação de imóveis 32: você alugaria este imóvel por R$ 2.560,25?



B.O. 400; Contrato: 24/2008 ; Data:12/03/2012; Processo: 2.771/08,
Objeto: para instalação do Núcleo Villa Lobos e Tom Jobim
Proprietária: Sueli Trindade Lopes
Endereço: Rua São Paulo, nº 17, Manguinhos

Ver todos os aluguéis:































31) ”CAAPE”


Comentários:


  1. Oi, Luiz. Ouvi falar que este imóvel é do Birinha, mora na lagoa de Geribá.
    Sua filha, Marcelle, é a diretora da Villa Lobos... e é casada com André Rodrigues que é irmão da Carolina Rodrigues...
    A Marcelle tem um irmão que trabalha na Prefeitura...e mais uma irmã e um cunhado que também trabalham na escola de música...
    Birinha é aquele que devolveu dez mil para o Supermercado Princesa, graças ao nosso juiz que já se foi, em um processo onde a esposa alega que não sabia da venda, dez anos depois o negócio foi anulado.. na última notícia que tivemos sobre isto.. o Birinha queria trocar com a prefeitura por um terreno de quatrocentos mil.. não são fracos, não.
    O terreno é aquele ao lado da casa do Toninho.. era o estacionamento do supermercado.. não fazia parte do loteamento e pode até ser área pública, assim não seria usucapível...
    Mas vai questionar!!
    Deve haver mais histórias paralelas.. o intermediário neste caso de terras foi o "nosso secretário gelatinoso", levou para o conselho para conseguir a troca..
    Detalhe importante: um terreno de posse por um terreno com RGI muito bem situado e valorizado...
    Tive com o processo administrativo na mão durante uma reunião do CMMA.
    Por essas informações se pode imaginar a quantidade de assuntos similares que nunca chegaremos a ver ou ouvir falar.
    Indigesto!
    Luiz, prepara um mapa com as marcações dos imóveis, por favor. Teremos uma visão mais ampla da situação.
    Acredito que se formos pesquisar a respeito dos outros imóveis alugados.. pode haver muita história como esta.

    Meu comentário:

    Claro Flor. Foi o que fiz no post seguinte. Veja.

    Comentário por E-Mail



    Boa tarde,  Luiz

    Estive lendo a relação de gastos da Prefeitura, e gostaria de saber onde fica localizado o CRAS, se é na Rasa, se não me engano o prédio era próprio da Prefeitura. O CRIARTE Baia Formosa há uns 3anos atrás o valor do aluguel era em torno de R$ 800,00, estranho esse valor agora, a não ser que tenham ampliado o local com mais casas. O importante antes de acusar, e que devemos verificar com cuidado para não cair em descredito.
    No aguardo
    Att. Jayme

    Jayme Machado Filho


    Jaime, eu não estou acusando ninguém, Simplesmente estou perguntando
    se o morador de Búzios pagaria o que a prefeitura paga pelo aluguel de
    determinado imóvel. As informações são extraídas do Boletim Oficial da
    prefeitura, portanto são oficiais e verídicas. O CRAS fica no
    Cruzeiro, Rasa. O CRIARTE de Baía Formosa custa R$ 4.178,88 (ver BO
    477). Se este imóvel já estava alugado em 2009 (há 3 anos atrás) não
    sei.

    desculpe pela demora na resposta

    Grato por ler meu Blog
    Grande abraço,
    Luiz

Locação de imóveis 31: você alugaria este imóvel por R$ 1.213,40?



B.O. 535; Contrato: ? ; Data:12/03/2012; Processo: 84/09,
Objeto: para instalação do CAAPE (Centro de Apoio e Atendimento ao Educando).
Proprietária: Marília Vieira da Silva.
Endereço: Manguinhos.

domingo, 17 de junho de 2012

Locação de imóveis 30: você alugaria este imóvel por R$ 2.123,89?



B.O. 421; Contrato: 6909; Data: 30/01/09; Processo: 12.148/09
Objeto: para instalação do Arquivo Geral da Prefeitura.
Proprietário: João Carlos Alves de Souza
Observação: o Arquivo Geral localiza-se no 2º andar (sobrado).
Tá aí o que você queria, Flor!

sábado, 16 de junho de 2012

Secretário mentiroso!



Foto do "Acorda Búzios", Facebook

Boletim de balneabilidade das praias da Região dos Lagos divulgado nesta sexta-feira (15/06) pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea):

"Em Búzios, estão recomendadas as praias Rasa, Tucuns, Manguinhos, Geribá, Ossos, Azeda e Forno. Não foram liberadas as praias do Canto, Armação, João Fernandes, Brava, Ferradura e Tartaruga. A praia de Iguaba Grande e as praias de São Pedro da Aldeia (Linda, Centro, Pitória, Sol, Sudoeste, Balneário, Ponta D´Aldeia e Aldeia não estão liberadas".


Enquanto isso no Facebook o secretário Ruy Borba mente:

Carla Garcia Vergonha!!!

Osvaldo Paiva vergonha nacional!!

Amaury Moreira Precisam de organização p/ cobrar o prefeito

Conceição Galiano isto tem de sobra no Bosque de Geribá tambem..

Daniel Conceicao Goncalves este é o destino sol e praia? vc nao sabe onde estao os fiscais? devem estar tomando as mercadorias dos vendedores que necessitam trabalhar para levar o seu sustento
.
Amaury Moreira Estão acabando com o paríso que é Búzios!!!!!!

Maria Angélica Guilherme tá feia a coisa por lá!

Isavan Noronha QUE PRAIA É ESSSA???

Marcos Dalperio brincadeira...

Abel Silva Tavares Tavares O PODER EXECUTIVO NUM TA NEM AI.A precaridade ta geral em nossa cidade.Eu registrei varias fotos importante,mas por azar da vida meu Android foi roubado.

Monica Werkhauser que horror quanta maldade com nosso mar, é por isto que joão fernandes está improprio para banha

Humberto Sisley mulheres gordas não poderão mais pegar uma praia em JF?

Ruy Borba Não está. Vá consultar o elatório emitido pelo INEA regularmente. Caem da boca essas barbaridades

Regina Marques Alguém entendeu a colocação do Ruy?

Maria Do Horto Moriconi Regina, esse ser estranho nunca fala para ser entendido, muito pelo contrário, só está aqui para causar discórdia, mal entendido, entre outras coisas bizarras...

Marcia Pires Leal e sobre o canto esquerdo de Geribá? e Manguinhos???

Maria Do Horto Moriconi Esses esgotos são intrigas da oposição "atrapalhando " o governo... Durante a noite seres desconhecidos de oposição enchem as galerias de m*** para poder falar mal do governo.. Simbólicamente é verdade... a população enche as "galerias" ... E parece que é para isso que existe administração pública.. Para organizar, impedir e fiscalizar multando ou até prendendo... incompetentes, isso sim... a cidade da m**** ..ficará famosa pelo cheiro...

Maria Do Horto Moriconi ‎"galerias" nem sei se exite isso por aqui... galerias...

Rudney Mariano maravilhoso senário para os políticos anualizar melhor propostas

Maria Do Horto Moriconi Estão bem longe... contando dinheiro...

Felipe Peracio BOA MIRINHO

Carlos Tavares Búzios o que o Rui disse??

Eduardo Kanbach normal em bz a praia de manguinhos ta cheio disso

Eduardo Kanbach na rua que da na praia em frente o shopping 5000 , da de 10 nesse esgoto ]



Comentários:

  1. Aí, Luiz... plantão de atendimento para livrar o povo de mentiras descaradas. O bizarro nem se deu ao trabalho de consultar o informativo...kkkkk...mais uma vez foi nefasto....kkkkk...gente, nefasto é um nome lindo para chamar as pessoas.. vide reportagens anteriores.. obrigada pela informação com comprovação...

A dança dos partidos: as convenções partidárias

Todos os partidos existentes em Búzios terão que realizar as suas convenções partidárias até o dia 30 de junho- último dia para a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e escolher candidatos a prefeito, a vice-prefeito e a vereador (Lei nº 9.504/1997, art. 8º, caput).. O PSDB foi o primeiro. Realizou a sua convenção municipal ontem, dia 15. Veja a seguir, de acordo com as publicações dos jornais locais,  o calendário dos demais partidos:

15/6 - PSDB
21/6 - PSOL
22/6 - PT do B
        - PSL
23/6 - PP
27/6 - PSB
29/6 - PMDB
        - PDT
        - PR
        - PRB
        - PTC
        - DEM
30/6 - PT
        - PPS
        - PTB

A seguir publicaremos informações sobre as convenções realizadas. Retornaremos ao site do TSE para trazer informações sobre a composição dos Diretórios ou Comissões Provisórias. Informaremos ainda o posicionamento político dos partidos em relação aos candidatos da majoritária, como fizemos em julho de 2007 nas postagens "A dança dos partidos (e do acasalamento)". Vamos apresentar também a nominata dos candidatos a vereador de cada partido discutindo a possibilidade de eleição de cada um deles.     

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Pela criação do Parque Estadual do Mangue de Pedra 4


Foto do grupo "Mangue de Pedra", Facebook



PROJETO DE LEI Nº 1625/2012

EMENTA: DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO DO PARQUE ESTADUAL DO MANGUE DE PEDRA NOS MUNICÍPIOS DE ARMAÇÃO DE BÚZIOS E DE CABO FRIO, NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Autor(es): Deputado ANDRÉ LAZARONI, JANIRA ROCHA, WAGNER MONTES


A ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

RESOLVE:

Art. 1º – Fica criado o Parque Estadual do Mangue de Pedra, abrangendo as terras dos Município de Armação de Búzios e de Cabo Frio, no Estado do Rio de Janeiro, delimitadas nos Anexos I e II.

§ 1º – A implantação do zoneamento ecológico e a administração do Parque Estadual do Mangue de Pedra serão realizadas pelo órgão estadual competente, respeitando as medidas legais destinadas a impedir a instalação de atividades e empreendimentos causadores de degradação da qualidade ambiental e a adoção de medidas para recuperação de áreas degradadas.

§ 2º – O Estado poderá estabelecer convênio com a Prefeitura dos Municípios de Armação de Búzios e de Cabo Frio para dar cumprimento ao disposto no caput deste Artigo, segundo determinam a Lei Federal No. 9.985/2000 e o Decreto Federal 4.340/2002, que regulamentam o Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza.

Art. 2º – A criação deste Parque Estadual objetiva:

I – preservar o conjunto geológico e biológico que compõe a região do Mangue de Pedra e proteger o patrimônio histórico-cultural oriundo e proveniente das populações tradicionais residentes na região;
II – preservar espécies raras, endêmicas, e ameaçadas de extinção ou insuficientemente conhecidas da fauna e da flora nativa no seu habitat natural;
III – preservar a Biodiversidade do Mangue de Pedra;
IV – preservar a memória e a cultura de populações tradicionais, como os quilombolas;
V – incentivar o turismo científico (geoturismo/ecoturismo/cultural), respeitando a capacidade de carga para visitação;
VI – preservar as belezas cênicas e paisagísticas;
VII – assegurar a preservação e a recuperação dos remanescentes da Mata Atlântica local e dos recursos hídricos; e
VIII – preservar o Mangue de Pedra em benefício das atuais e futuras gerações reconhecendo sua relevância para o desenvolvimento sócio-econômico da região.

Art. 3º - Passa a ser obrigatório o licenciamento ambiental e urbanístico prévio, de acordo com a legislação vigente, para:

I – implantação de projetos de urbanização de novos loteamentos, condomínios e a expansão ou modificação dos já existentes;
II – supressão da vegetação nativa;
III – abertura de novas vias de acesso, como ruas e estradas, e/ou ampliação das existentes; e
IV – implantação ou execução de qualquer atividade potencialmente poluidora ao meio ambiente.

Parágrafo Único - O licenciamento ambiental e urbanístico previstos neste Artigo serão procedidos junto aos órgãos ambientais do Estado do Rio de Janeiro, devendo obrigatoriamente dispor de prévia análise técnica por parte dos órgãos competentes nas áreas de Meio Ambiente, Urbanismo e Patrimônio Cultural dos Municípios de Armação de Búzios e de Cabo Frio, assim como devem necessariamente ser ouvidas e consideradas as deliberações emanadas dos respectivos Conselhos Municipais das áreas específicas citadas.

Art. 4° - A Unidade de Conservação da Natureza objeto desta Lei deverá dispor, imediatamente após sua criação, de um Conselho Gestor a ser formado com base no que determinam a Lei Federal No. 9.9985/2000 e o Decreto Federal 4.340/2002, devendo ser assegurada a participação, além dos órgãos públicos estaduais e municipais, de entidades representativas da sociedade civil, universidades, centros de pesquisa, dos moradores e das populações tradicionais, como pescadores artesanais e quilombolas.

Art. 5° - Caberá à Secretaria Estadual de Habitação, através do Instituto Estadual de Terras do Estado do Rio de Janeiro – ITERJ, a realização da Regularização Fundiária definitiva, visando ao reconhecimento do direito, previsto na Constituição Federal, das comunidades tradicionais residentes no interior e no entorno desta Unidade de Conservação de permanecerem neste território que ocupam por longo período, respeitados o patrimônio ambiental e geológico, visando preservar sua memória e cultura.

Parágrafo Único – Fica o órgão estadual autorizado a promover cooperação técnica com os órgãos competentes do Governo Federal, tais como INCRA, Ministério das Cidades, Serviço do Patrimônio da União, e municipais, para cumprimento dos objetivos elencados no caput.

 Art. 6° - O Instituto Estadual do Ambiente – INEA deverá, no prazo de 180 (cento e oitenta) dias, elaborar o Plano de Manejo do Parque Estadual do Mangue de Pedra, com participação do Conselho Gestor em todas as suas etapas.

Art. 7° - Esta lei entrará em vigor na data de sua publicação.


Plenário Barbosa Lima Sobrinho, 30 de maio de 2012.



Deputada Janira Rocha           Deputado Andre Lazaroni         Deputado Wagner Montes

  
JUSTIFICATIVA

A presente proposição  tem o objetivo de criar uma unidade  inter-municipal de conservação da natureza, com limites entre os municípios de Armação de Búzios e de Cabo Frio. A área a ser protegida tem importância geológica, ambiental e cultural, com a presença do raro ecossistema do Mangue de Pedra e seu contexto geológico (Falha do Pai Vitório e Ilha Feia), sendo um dos três únicos mangues de pedra do planeta.
A proposta reforça o Programa de Geoconservação, o qual prevê a proteção aos geossítios fluminenses, que vem sendo desenvolvido pelo Departamento de Recursos Minerais - DRM e será apresentado à UNESCO no final de 2012.
Além disso, a criação do Parque Estadual objetiva o reconhecimento de direitos da população tradicional formada pelos quilombolas da Praia Rasa e de pescadores artesanais. Naquela região, ocorreu, no passado, a chegada de escravos vindos da África.
Portanto, em última análise, teremos, com a aprovação deste projeto de lei, o fortalecimento da vocação econômica da região para o ecoturismo e proteção do Mangue de Pedra do assédio da especulação imobiliária.

Meu comentário:

Quando o povo se une por uma causa ele sempre será vitorioso. A especulação imobiliária e seus prepostos políticos podem ser derrotados! Salve a sociedade organizada de Búzios que participou e participa desta luta. Salve os deputados estaduais Janira Rocha, André Lazaroni e Wagner Montes que assinam o Projeto de Lei! Salve os vereadores Joãozinho, Evandro, Genilson e Nobre que estiveram com a gente na ALERJ! A luta continua!


Monica Werkhauser grande flor aagora todos podem ler todo o projeto de lei,
há 22 horas · CurtirCurtir (desfazer) · 2

Monica Werkhauser e a bina gostou voce foi parte muito importante com sua linda matéria, inclusive pedi para elena tirar copias do seu material e colocar na Rio 2012
há 21 horas · CurtirCurtir (desfazer) · 1

Mauro Spacenkopf Uhuuuuuuuuuuu!
há 18 horas · CurtirCurtir (desfazer) · 1

Anna Roberta Mehdi a gente podia ir na Cúpula dos Povos e fazer um movimento lá este fim de semana, q tal?????
há 9 horas · CurtirCurtir (desfazer) · 1


Anna Roberta Mehdi mas temos q ir juntos, a maior galera

quinta-feira, 14 de junho de 2012

O Paladino da Moralidade do governo Mirinho 2

o Banco Tecnicorp (58) pertenceu ao secretário Ruy Borba 

Em 2007 havia em Búzios um silenciosa grande guerra de Dossiês (Ver "A Guerra de dossiês"). Era dossiê pra cá e dossiê pra lá. Afinal, as eleições de 2008 se aproximavam. O atual secretário Ruy Borba, na ocasião um destemido jornalista, resolveu publicar o seu Curriculum Vitae  deixando transparecer que, com este gesto, não teria nada a esconder de seu passado. Acredito que ele tenha pensado que ninguém fosse conferir. O currículo foi publicado no Jornal Primeira Hora de 06/02/2007. Portanto é público. Está na Internet (Ver "Curriculum-Vitae")


Ruy Ferreira Borba Filho 

Data de Nascimento: 12 de Novembro 1946
Filiação: Ruy Ferreira Borba e Virgínia Santos Pacheco Prates Borba
CPF/MF: 006.295.100/91
RG: 23.549.350-8   OAB/RS 5941
Título de Eleitor:  160.456.690.108 Seção 0279
Certificado de Reservista: 422.515 III Exército Poa/RS
Carteira de Trabalho: 33.639 Série 458

ruyborba@uol.com.br
ruyborba@msn.com

Experiência Profissional

2000/2005 - Curador e Gestor da Fundação Bem Te Vi
                    Editor-chefe do Jornal Primeira Hora
                    Diretor Gerente da RBF - Empresa Jornalística Ltda.
1997/2005 - Diretor Gerente da RBF - Participações e Serviços 
                     Ltda. Desenvolvimento e Incorporação imobiliário

1997             -    Consultor e Conselheiro da MasTec Internacional Inc., empresa        
1998                             estrangeira americana, com tarefa de procurar parceiro nacional 
                    para operar no Brasil

1986/1996 - Banco Tecnicorp, banco múltiplo, com sede em São Paulo, e 
                     agências em Santa Catarina e Rio de Janeiro.
                     Sócio quotista e Diretor

1983/1992 - Perdigão S/A Comércio e Indústria
                     Diretor de Finanças e de Relações com o Mercado
                     Liderou a reestruturação do grupo Perdigão, à época a 2a. maior 
                     empresa de alimento da América do Sul. A tarefa se estendia a 
                     3 (três) áreas da companhia: comércio, indústria e produção.
                    Ênfase especial foi dada à abertura de novos mercados,
                    especialmente Japão e Europa. Foi responsável pela associação 
                    com a International Finance Corporation - IFC, agência do
                    Banco Mundial, e pela “joint venture” com a Mitsubish
                    Corporation.

1981/1983 - Assessor do Ministro da Previdência e Assistência Social Jair
                     Soares
                     Assessor do Ministro da Agricultura Nestor Jost

1981/1981- Secretário para Desburocratização e Desrugalamentação no Governo de  
                   Jorge Bornhausem em Santa Catarina

1980/1981 - Presidente do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo
                    Sul - BRDE.
                    Liderou a reestruturação administrativa do Banco.
                    Presidente do SEBRAE-RS (CEAG-RS)

1979/1980  Diretor Executivo da IBRASA/BNDE Par
                     Coordenou e executou a estratégia de descentralização de
                     investimentos da agência de financiamento no Brasil

1974/1979 -  Diretor Superintendente da Companhia de Desenvolvimento do 
                     Estado de Santa Catarina, “holding” do Sistema Financeiro de
                     SC
                     Secretário Executivo do Conselho Financeiro do Estado de SC
                     Membro Executivo da Junta de Reestruturação do Estado de SC

Educação e Formação Acadêmica

Escola Secundária no Colégio Nossa Senhora do Rosário 1965
Escola Universitária no UFRGS Faculdade de Direito 1970
Mestrado na Faculdade de Direito da Universidade de Tübingem Alemanha 1971/1973     
Curso de Administração Financeira na USC em Los Angeles USA 1979

Idiomas

Fluente em Português, Inglês, Alemão

Depois de se envolver, segundo o parecer da CVM/SJU/ nº 006  - de 20/02/90 (ver postagem anterior), em "operações fraudulentas" com ações da Perdigão Agroindustrial S/A, e ter ficado, por isso, proibido, por 5 anos de operar no mercado de valores imobiliários, além de pagar multa de  7 parcelas de R$ 3.151,00, decisão confirmada pelo CRSFN- Conselho de Recursos do Sistema Financeiro Nacional-, Ruy Borba teve seu Banco- o Banco Tecnicorp (ver foto acima)- envolvido em 1997, segundo relatório da CPI dos PRECATÓRIOS (CPI do PITA, Prefeitura de São Paulo) (ver link abaixo), em "negociações ardilosas"" no mercado financeiro.


Por "negociações ardilosas" a CPI entende "aquelas eivadas de artifício que traga prejuízo a alguém sem que este consiga pelos meios normais detectar o dano que se lhe está sendo imposto" (pág. 91). A CPI identificou 161 pessoas jurídicas, entre elas o Banco do atual secretário de planejamento de Búzios, que "participaram de 'cadeias de felicidade', seja como recebedores de lucros (ou prejuízos), como tomadores finais, vendedores iniciais, ou ainda, como financiadores em operações compromissadas (vendas não definitivas)" (pág. 190). 

Ainda segundo o relatório, se o objetivo fundamental da "cadeia da felicidade" é a "geração disfarçada de lucros elevados e a condição necessária e suficiente para sua existência é a ocorrência de conluio entre a ponta compradora e a vendedora, torna-se forçoso concluir que:
1º) ele é resultado de estelionato perfeitamente premeditado entre suas partes ativas.
2º) que o lucro se destina àqueles cuja presença na cadeia constitui condição indispensável 

O relator prossegue: "Em outras palavras, a espécie de estelionato examinada por esta CPI exige quadrilha com, no mínimo, três elementos: vendedor a preço baixo, receptador de lucro e comprador final...

Os maiores lucros eram depositados nos "laranjas", que, por não serem instituições financeiras, estariam excluídas  da fiscalização do Banco central; assim se encobriria aos olhos de todo e qualquer interessado (Governo, Fisco ou acionistas minoritários dos compradores) o lucro da negociata".

Consta no relatório que as instituições acessórias "eram usadas para descaracterizar formalmente, nos registros da CETIP, o real relacionamento existente entre os membros da quadrilha, passível de observação em algum procedimento fiscalizatório do BC sobre a CETIP" ( pág 129)