Logo do blog

Logo do blog

publicidade5

publicidade5

sábado, 27 de maio de 2017

TRAMA MACABRA

O Estadão noticiou que está em curso um acórdão político para a realização de eleição presidencial indireta. A trama estaria sendo articulada por um grupo suprapartidário de senadores, todos implicados na Lava Jato. Para esses senadores, o Congresso seria colocado como contraponto à Lava Jato e ao Ministério Público que, segundo eles, vem atuando para “destruir o mundo político”, não se importando em jogar sujo como teria acontecido com a gravação feita por Joesley Batista de uma conversa com Temer.
O candidato escolhido teria que ser alguém com coragem suficiente para enfrentar a opinião pública e frear os procuradores e o juiz federal Sérgio Moro. Para esse grupo do Senado Federal, apenas dois nomes entre os colocados até agora como pré-candidatos têm peso e tamanho para a missão: Nelson Jobim e Gilmar Mendes.
O novo presidente, oriundo do acordão, convocaria uma nova Constituinte e aprovaria uma reforma mínima da Previdência, para acalmar os mercados e o setor produtivo. A Constituinte instituiria eleições e mandatos a promotores e procuradores, a exemplo do que ocorre nos Estados Unidos. 
Para convencer Temer a renunciar, o acordo garantiria a ele um indulto (a imunidade penal a ser dada pelo futuro presidente) e a votação da PEC que manteria o foro privilegiado a ex-presidentes, evitando que o caso dele chegue até Moro. Essa PEC beneficiaria diretamente Lula, Sarney, Collor, Dilma e Michel Temer, todos alvo de investigações. Também livraria Lula das garras do juiz federal, parte que mais interessa ao PT. 
O grande problema do ACORDÃO é que falta combinar com os russos (O POVO).

Quanto o senhor ganha Prefeito? Tem que publicar. É Lei!!!

Há menos de dois anos nenhum dos seis municípios da Região dos Lagos publicava a folha de pagamento da Prefeitura. Muito menos os salários dos prefeitos. Hoje, avançamos um pouco, e dois municípios já a publicam. São eles: São Pedro da Aldeia- o município mais transparente da região- e Araruama. Prefeitos retrógrados ainda insistem na tese de sigilo, como se o povo- aquele que paga seus salários- não tivesse o direito de saber quanto ganha cada servidor público. Felizmente, não conseguem impedir o avanço da marcha da transparência. 

O mesmo pode ser dito dos salários dos presidentes das Câmaras de Vereadores da região. Nenhuma delas publica a folha de pagamento em seu portal da transparência. Duas câmaras-  Arraial do Cabo e Araruama-, absurdo dos absurdos, nem mesmo sites possuem!!! A de Búzios- que possui o site mais transparente- disponibiliza apenas a relação nominal dos funcionários. Nada de salários.

Como diz o grande Aires Brito o melhor detergente é a luz do sol.

O salário da prefeita de Araruama pode ser encontrado no link: 

Salário de janeiro de 2017 da Prefeita de Araruama Lívia de Chiquinho

O salário do prefeito de São Pedro da Aldeia pode ser encontrado no link:


Salário de abril de 2017 do Prefeito de São Pedro da Aldeia Chumbinho


 Comentários no Facebook:
Givago Vargas Neste valor não estão incluídos as obras superfaturadas, desvios de dinheiro da saúde e da educação (fora outros), o mecreté de licitação fajuta, a grana para aprovar construções irregulares (condomínios, pousadas e etc), os contratos forjados, "radares", fraudes em merendas escolares e o q mais tu imaginar, fraude no......., a........ e o........, a......... e etc, etc, etc, etc, etc, etc?

Ernesto Medeiros Uns R$ 11 mil, já com descontos. Incluindo subsídios + vencimento de concursado ? Será? Quem dar mais? Rsrs ... Considera-se - 20% do pobre decreto.

Ernesto Medeiros Consta do link acima : " Na petição às folhas supracitadas, a municipalidade ré alega que a disponibilização de
informações, entre outras atinentes à remuneração de seus servidores, atentaria contra a privacidade
destes. Alegou, porém, que teria realizado as devidas correções em seu sítio, permitindo o acesso a
todas as outras informações exigidas pela legislação em comento.
" " Porém, por derradeira vez, o MPF realizou novos testes junto à página eletrônica e
confirmou que diversas informações não estão disponíveis, como o fato de que consta informação de
receita apenas de abril de 2014 e março de 2014, quando deveriam ser informados, no mínimo, os
últimos 6 meses. Em relação à informação sobre o orçamento anual, constam arquivos com zero
quilobites, ou seja, a informação aparenta estar lá, porém é inacessível. As informações sobre
liquidação e pagamento, também, não estão disponibilizadas. Por fim, as informações sobre a
remuneração e pagamento de diárias e passagens não estão, igualmente, disponíveis para qualquer
cidadão obter tais dados. "
  

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Nome de Jânio Mendes aparece em mais uma delação; agora está no listão da JBS

Jânio e Pezão, foto do blog cartaovermelho

Em 16 de fevereiro, publiquei que o deputado Jânio Mendes teve seu nome listado como recebedor de R$ 19 mil em uma planilha de pagamentos entre as seis encontradas durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão na casa de Luiz Carlos Bezerra. A ação ocorreu em novembro de 2016, durante a Operação Calicute, em que Sérgio Cabral foi preso. Bezerra é acusado de ser o operador da organização criminosa liderada pelo ex-governador. (Fonte: http://"ipbuzios")

Agora, o Deputado aparece na lista dos políticos delatados pelo executivo Ricardo Saub da JBS (Fonte: "estadao") como recebedor de R$ 100.000,00. Na listagem dos deputados Estaduais do PDT Jânio aparece ao lado dos nomes de Luiz Antônio Martins (R$ 421.000,00) e Maria Aparecida Campos Straus (R$ 271.000,00). Outros candidatos a Deputado Estadual em 2014 do Rio de Janeiro também são citados. Do PT: André Ceciliano (R$ 70.000,00), Marcus Vinicius (R$ 628.901,00) e Farid Abrão David (R$ 50.000,00). Do PMDB: Gustavo Reis Ferreira (R$ 100.000,00), Edson Albertassi (R$ 120.000,00) e André Lazaroni (R$ 300.000,00). De outros partidos: Dionísio Lins (PP) (R$ 100.000,00), Filipe Bezerra (PR) (R$ 100.000,00), Jucélia Oliveira Freitas (PRB) (R$ 6.200,00) e Christino Áureo (PSD) (R$ 980.000,00). 

De tanto ser delatado, "vai que a gente acredita"!


quinta-feira, 25 de maio de 2017

A cada dia cresce mais o movimento CHEGA DE DOUTOR

Wanderson com a camiseta do movimento



Quem quiser encomendar a camiseta basta procurar a BWGS Brindes na Cem Braças. Ou entrar em contato pelo Facebook no link abaixo:  (https://www.facebook.com/wanderson.souza.712?ref=br_rs

"A tolice de quem não quer enxergar é achar que todo mundo é cego. #impeachmentjá. Você é a favor desse desgoverno na cidade??? O dia está chegando ..." (Do facebook do Wanderson).


Economia solidária: as feirinhas da Praça da Ferradura

Feira Periurbana da Ferradura

"Os tempos são complexos e diante de tal complexidade, surge o medo. São tantos os medos – mas talvez o maior seja aquele resultante do totalitarismo, especialmente, de regimes os quais - mesmo inseridos no estado democrático e tendo o voto como o caminho legítimo para escolha de governantes, que a máquina administrativa e os cofres públicos não sejam utilizados em prol de um projeto eterno, que é a felicidade e a formação do ser humano, suprimindo direitos básicos, como o direito a participar da emancipação da cidade, em prol da justiça social, em todas as áreas onde ela se manifesta e que constituem o urbanismo.

Mas é preciso enfrentar o medo e contra ele só nos resta um caminho: a união. 

Nunca foi tão importante fundar espaços de encontro, a fim de que nossos sonhos sejam partilhados, seja com o amigo, com o vizinho, com um desconhecido. E que essa energia seja debatida, aprovada, desaprovada, e venha a nos redimir das pequenezas do cotidiano que transformam o outro no estragado. Estamos todos no mesmo barco. Somente o encontro nos impedirá do ritual de submissão, sem força e voz e com os direitos flexibilizados e relativizados pelas necessidades dos mercados.*

É diante de tal conjuntura que as “feirinhas” instaladas na Praça da Ferradura vêm bombando! Às quintas-feiras, à noite, os moradores de Búzios passaram a ter um lugar para realizar algo que lhes é muito caro: o encontro. Aos sábados, a cidade conta com a Feira Periurbana sendo as duas iniciativas modelos de economia solidária. Economia essa que tem por requisitos a inserção comunitária, a partilha de objetivos e o compromisso social, participação, socialização, autogestão e democracia, com a finalidade de que o desenvolvimento humano seja integral e ecosustentável.*

Os que enxergam a feirinha de quinta como uma ameaça aos seus lucros devem questionar em que momento os nossos tradicionais pontos de encontro e de felicidade esvaziaram-se e passaram a nos dar mais medo do que prazer. Pode ser que tudo tenha começado quando não cuidaram de nossos cenários históricos, deixando-os à mercê de uma ótica mercadológica sem qualquer sintonia com nossos sonhos e que contou com a parceria de governantes, em detrimento do interesse público. A destruição dos cenários, a ocupação de calçadas para atender a comerciantes, a música estridente, a algazarra, o desrespeito ao sossego alheio, o tráfico, o esgoto, a proliferação de comércios que subtraem nossa identidade, entre outros trouxeram mal estar.

Búzios não só cresceu, mas sofreu e vem sofrendo. Não se está em busca do tempo perdido. Mas diante de uma única certeza: a cidade, tanto quanto planejada, precisa ser executada para os seus moradores e para lhes trazer felicidade. É deste ponto de vista que as duas feiras instaladas na Praça da Ferradura cumprem esse destino".

Cristina Pimentel


*SILVA, Márcia Nazaré. A economia solidária e as novas possibilidades do mundo do trabalho. In: Âmbito Jurídico, Rio Grande, XIV, nº 86, mar 2011. Disponível em: http://www.ambito-juridico.com.br. Acesso em maio/2017


Como votaram os deputados no projeto de lei que aumentou a contribuição previdenciária dos servidores estaduais

Ontem (24) a Alerj aprovou aumento da contribuição previdenciária dos servidores públicos estaduais. A proposta foi aprovada por 39 votos a 26 e entra em vigor em 90 dias 

"Enquanto os deputados decidiam no plenário, no lado de fora, houve confusão e quebra-quebra. Manifestantes e policiais militares entraram em confronto e lojas foram depredadas. Como em outras oportunidades, policiais atiraram bombas nos manifestantes.
Considerada vital pelo governo, a votação teve a presença de deputados afastados por problemas médicos, como Wagner Montes (PSD) e Jorge Picciani (PMDB), que mesmo tratando de um câncer, presidiu a sessão. Antes, ele já participara de uma reunião do colégio de líderes sobre o assunto. 
A medida entrará em vigor em 90 dias. Uma emenda da bancada do PDT determinou que o aumento no desconto só terá efeito quando os salários dos servidores forem colocados em dia. Uma proposta de 'parcelamento do aumento' foi registrada antes mesmo da votação".

Vejam com votaram os deputados:

QUEM VOTOU SIM: (39)


Ana Paula Rechuan (PMDB)

André Ceciliano (PT)

André Corrêa (DEM)

Aramis Brito (PHS)

Átila Nunes (PMDB)

Carlos Macedo (PRB)

Chiquinho da Mangueira (PTN)

Cidinha Campos (PDT)

Coronel Jairo (PMDB)

Danielle Guerreiro (PMDB)

Dica (PTN)

Dionísio Lins (PP)

DR. Deodalto (DEM)

Dr. Gotardo (PSL)

Benedito Alves (PRB)

Paulo Melo (PMDB)

Marcos Abrahão

Edson Albertassi (PMDB)

Fábio Silva (PMDB)

Fatinha (SDD)

Figueiredo (PROD)

Geraldo Moreira (PTN)

Geraldo Pudim (PMDB)

Gil Viana (PSB) 

Gustavo Tutuca (PMDB)

Iranildo Campos (PSD)

Jorge Picciani (PMDB)

Luiz Martins (PDT)

Marcos Vinicius (PTB)

Milton Rangel (DEM)

Nivaldo Mulim (PR)

Osório (PSDB)

Rafael Picciani (PMDB)

Renato Cozzolino (PR)

Rosenverg Reis (PMDB)

Zé Luiz Anchite (PP)

Tia Ju (PRB)

Zito (PP)

João Peixoto (PSDC)




QUEM VOTOU CONTRA: (26)

Martha Rocha (PDT)

Carlos Minc (sem partido)

Bebeto (PDT)

Bruno Dauaire (PR)

Comte Bittencourt (PPS)

Dr. Julianelli (REDE)

Eliomar Coelho (PSOL)

Enfermeira Rejane (PC do B)

Flávio Bolsonaro (PSC)

Flavio Serafini (PSOL)

Gilberto Palmares (PT)

Jânio Mendes (PDT)

Jorge Felippe Neto (DEM)

Lucinha (PSDB)

Luiz Paulo (PSDB)

Marcelo Freixo (PSOL)

Márcio Pacheco (PSC)

Paulo Ramos (PSOL)

Samuel Malafaia (DEM)

Silas Bento (PSDB)

Tio Carlos (SDD)

Wagner Montes (PRB)

Waldeck Carneiro (PT)

Wanderson Nogueira (PSOL)

Zaqueu Teixeira (PDT)

Zeidan (PT)




Quem não votou: (5)

Marcelo Simão (PMDB) - Faltou

Marcia Jeovani (DEM) - Faltou

Marcos Muller (PHS) - Faltou

Filipe Soares (DEM) - Faltou


Pedro Augusto (PMDB) Licenciado:

O Sindicato dos Servidores Públicos do Estado do Rio de Janeiro divulgou, antes da votação, uma lista com os  votos prováveis dos deputados. Apesar de acertar no placar da votação 39 a 26, erra o voto de alguns. É o caso do deputado Jânio Mendes, listado como voto favorável ao projeto, mas que votou contra. A deputada Márcia Jeovani, também relacionada como voto sim, na verdade não compareceu à sessão de hoje.  


terça-feira, 23 de maio de 2017

Búzios precisa de uma Operação Lava Jato urgente

Chega de Armação em Búzios

Bem que uma Operação nos moldes da Lava Jato poderia se chamar em Búzios de Operação “Chega de Armação”. Não é possível que decorridos, aproximadamente, três anos da conclusão dos trabalhos da CPI do BO, nada tenha acontecido em Búzios. Ninguém foi indiciado, as práticas dos ilícitos verificados continuam como se uma minuciosa investigação não tivesse sido feita e não foi aberto nenhum processo de cassação do atual Prefeito. Nem mesmo a divulgação do Relatório Final da CPI do BO interferiram nos resultados das eleições de 2016 no sentido de não reeleger o Prefeito denunciado. E, puro escárnio, a empresa E. L. Mídia que confeccionou os BOs de capa dupla foi recentemente aquinhoada com mais um contrato de publicação do Boletim Oficial de Búzios. 

Recapitulando, publico trechos do Relatório:

No entender deste Relator, tendo por base todas as provas e indícios colhidas no curso dos trabalhos da CPI, o Prefeito montou uma estrutura composta por servidores responsáveis por fraudar o procedimento licitatório com a finalidade de beneficiar determinadas empresas e garantir o resultado pretendido no certame ...

Opino pelo indiciamento do Procurador-Geral do Município, o Dr. Sergio Luiz Costa Azevedo Filho inscrito na OAB/RJ sob o n° 131.531  e do Subprocurador-Geral, o Dr. Cássio Heleno Cunha de Oliveira inscrito na OAB/RJ sob o n° 126.655, na medida em que ajuizaram ação em nome do Município, em inequívoca violação ao interesse público e com o propósito de atrapalhar as investigações...

Opino ainda pelo indiciamento dos representantes legais das empresas: Club Med Car Construção e Serviços Automotivos LTDA ME., Difamarco Distribuidora de Medicamentos, Correlatos, Equipamentos Hospitalares e Insumos Laboratoriais EPP, Avant de Araruama Bazar Ltda , 3 J Turismo e Eventos LTDA. e MAF da Silva Serviços e Eventos ME, Federação Interestadual das Associações de Prestadores de Serviços Artísticos e Culturais, Malaquias 3.10 Comercio e Serviço Ltda., C.M.F. da Silva Mattos EPP, New Life Ornamentos Ltda., R.S. Brasil Construtora, Casa do Educador Comercio e Serviços LTDA., Hawai 2010 Comércio LTDA, Rótulo Empr. Com. e Serv. Ltda., Vegeele Construção e Pavimentação Ltda., E. A. C. Daier Ltda. e Quadrante Construções e Serviços Ltda ME, uma vez que se beneficiaram da fraude ...

opino pelo indiciamento do Prefeito da Cidade de Armação dos Búzios, o Dr. André Granado Nogueira da Gama, tendo em vista que sem a sua participação os ilícitos não teriam ocorrido ...

8. CONCLUSÕES

Por todo o exposto, opino pelo encaminhamento do presente Relatório com cópia integral dos autos do processo de investigação conduzido pela CPI  ao Ministério Público de Tutela Coletiva do Estado do Rio de Janeiro, para apurar a prática de ilícitos de improbidade administrativa, nos termos do art. 22 da Lei n°8.429/92.

O envio dos mesmos documentos ao Ministério Público Eleitoral na Comarca de Armação dos Búzios, para a apuração de Crime de Responsabilidade previsto no Decreto Lei n° 201/67.

O envio dos referidos documentos aos Promotores de Justiça da Comarca de Armação dos Búzios, para a apuração dos crimes previstos nos arts. 90 da Lei n° 8.666/93 e 355 e 288 do Código Penal.

Por fim, opino pela abertura do processo de cassação do Prefeito em razão da Infração Político-Administrativas cometida, através de Denúncia a ser apresentada nos termos do art. 5°do Decreto Lei n° 201/67

Armação dos Búzios, 16 de julho de 2014.

Gelmires da Costa Gomes Filho

Vereador Relator


Relendo o Relatório encontrei algumas coisas incompreensíveis. Pediram-se os indiciamentos dos representantes legais de todas as empresas vencedoras das licitações cujo editais foram “publicados” (escondidos) nos BOs de capa dupla de números 584, 585 e 587, mas os vereadores da CPI “esqueceram” de pedir o mesmo indiciamento dos representantes das quatro empresas vencedoras das licitações cujos editais foram publicados no BO, também de capa dupla, nº 590. São elas:

BO 590 – de 11/07/2013

5.1) PP 036/2013 - Aquisição de uniformes escolares para a rede.

PA: 244/2013.

Empresa vencedora Hawai 2010 Comercial Ltda.
Resultado publicado no BO 609, de 7/11/2013. 

5.2) PP 040/2013 - Aquisição de material hospitalar.

PA: 9849/2013.

Empresa vencedora: Top Com. e Serv. Ltda, Difarmaco Distrib. Medic. , Plácidos Cirúrgica Ltda.  Resultado publicado no BO: 605, de 17/10/2013.

5.3) PP 041/2013 - Aquisição de material de informática.

PA: 4336/2013.

Empresa vencedora: Leal Porto Empreendimento e participações

Ltda. 

Resultado publicado no BO 604, de 10/10/2013.

5.4) PP 044/2013 – Fornecimento de refeição hospitalar
PA: 2529/2013
Empresa vencedora: JB Alimentação

Outra “curiosidade”: O extrato do contrato do serviço de poda foi “publicado” no BO de capa dupla nº 590. Foi a única empresa com a qual tal fato ocorreu. Ou seja, a empresa MMR Construções, Serviços e Eventos Ltda ganhou uma licitação escondida, pois o edital de licitação da contratação do serviço foi “publicado” no BO de capa dupla nº 584 e, ainda por cima, também teve escondido o extrato do contrato oriundo dessa “licitação”. “Escondição” geral. E o que se queria esconder: o valor absurdo de R$ 79.775,82 por mês por um serviço que ninguém vê prestado. É, o pessoal da empresa deve ser muito amigo do Reizinho de Búzios.

Comentários no Facebook:
Beth Prata Luiz Carlos Gomes lamentável mas o povo dessa cidade, e não falo dos pobres não, gosta da corrompida vida que levam. Dona Mônica Werkouser presidente da Ativa Buzios que tanto denunciou o governo Mirinho é hj funcionária deste governo corrupto. Falta vergonha na cara dessa classe média corrompida.
CurtirMostrar mais reações
Responder15 hEditado
Thomas Sastre bem feito quem mandou não estudar
CurtirMostrar mais reações
Responder
1
11 h
Thomas Sastre Operação lava minhoca
CurtirMostrar mais reações
Responder10 h
Thomas Sastre Porra Luiz vai estragar a galinha dos ovos de ouro 

"Jornalismo" é isso aí!!!



Tema principal: Cláudio Humberto
Termo de depoimento de Ricardo Saub em vídeo nº 16, prestado em 05.05.2017
Pessoas físicas citadas: Cláudio Humberto (jornalista)

Resumo
Possível chantagem feita pelo jornalista Cláudio Humberto, ao colaborador Ricardo Saub, para que deixasse de fazer publicações relativas a ele. Cita caso de notícia que o associaria como sendo o "homem da mala" da empresa J & F. Teria sido negociado um valor de R$ 18.000,00 para que o jornalista deixasse de falar mal do grupo. O valor estaria sendo pago por dois anos.

Meu comentário
Observem que mais um pedido (assinado por mim e Flávio Machado) de impeachment do Prefeito André foi feito recentemente e apenas o site RC24h deu a notícia (Parabéns Renata). Um pedido de impeachment- que não se faz todo dia- é notícia em qualquer lugar do mundo, porém nenhum site de Búzios deu um pio sobre o assunto. Como vemos, pelo caso acima, deixar de noticiar determinado fato tem sua razão de ser.

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Relação dos processados por dano ao erário público de Búzios

Causas  judiciais por dano ao erário (valor atualizado): R$ 27.656.596,04
Quantidade de processos: 23
Quantidade de processados: 86

Valor das causas dos principais processados:
1º) Toninho Branco - R$ 16.616.921,03
2º) André Granado -  R$ 13.208.264,40
3º) Mirinho Braga  -  R$   8.488.860,11

Observação: os valores acima somados superam o valor total de 27 milhões de reais porque Toninho e André aparecem juntos no processo dos 7 milhões da ONEP. Por outro lado, não acrescentei mais 7 milhões de reais a Toninho Branco porque ele foi excluído do processo do Grupo SIM, no qual estava junto com Mirinho.

Se você quiser obter informações de seu município basta clicar no link abaixo:
http://cidadaogestor.mprj.mp.br/web/cidadao-gestor/mapa-interativo


página 1
página 2
página 3
Página 4
Página 5
Página 6
Fonte: "mprj"

Comentários no Facebook:
Jorge Dias Tem tudo que ir pra cadeia.

Responder
1
3 h
Luiz Carlos Gomes Isso. Se um for preso, as coisa mudam de figura.

Joel Piscina · Amigo de Valmir Nobre e outras 412 pessoas
Hoje entendo porque ninguem vai preso, os orgãos fiscalisadores são comprados, ex; TCERJ
Mas esta mais dificil a imprensa e opinião publica cobrando.

Curtir
Responder
1
4 h
Luciano Moojen Chaves Tudo comprado. Todos. Continue, Luiz Carlos Gomes. Tens um fã aqui. Parabéns!

Responder
1
3 h
Luiz Carlos Gomes Isso Joel, imprensa e opinião pública na cola deles. Valeu Luciano. Grato.Grande abraço.
Milton Da Silva Pinheiro Filho Precisávamos de uma Procuradoria independente para reaver tudo que foi surrupiado dos munícipes.Nós até que lutamos por isso,quando no último concurso defendemos pelos 12 vagas para advogados do município,o que não ocorreu.Infelizmente.

Responder
1
3 h
Luiz Carlos Gomes E esse montante foi o que se descobriu. Tem muito mais surrupiado.
Milton Da Silva Pinheiro Filho Luiz falava sobre isto ontem com nosso amigo Alex Olegário.Foi muito dinheiro surrupiado dos gordos repasses dos royalties do petróleo,e,agora com a tal "crise",temos uma gama enorme de desempregados sem perspectiva nesta baixa temporada de escândalos em cima de escândalos políticos.Não criaram nenhuma alternativa econômica ao turismo capenga.
Luiz Carlos Gomes Isso Miltinho. Eles não estão nem aí pra cidade. Governam pra 1% (300 moradores) e o resto (99%) que se danem.